Temples confirmados no 24º Super Bock Super Rock

- Publicidade - trk
- Publicidade -

Há uma confirmação de última hora que promete prender o público do 24º Super Bock Super Rock: os britânicos Temples.

Entre as várias propostas de rock psicadélico da última década, uma das mais interessantes chega da parte dos Temples, dignos representantes do melhor rock inglês da atualidade. Depois de lançarem algumas canções na Internet de forma amadora, não demorou muito até que chegasse o contrato com a Heavenly Records. Os singles “Shelter Song” e “Colors To Life” constituíram um excelente cartão de visita da banda de Kettering.

O disco de estreia, Sun Structures, editado em 2014, fez com a banda crescesse ainda mais, ganhando o respeito do público e da crítica especializada. Os Temples oferecem canções que nos remetem para as décadas de 60 e 70, com ecos de Beatles, Love ou Byrds, mas sem nunca parecer forçado e sem tirar os pés do presente – e por isso também ouvimos a influência de bandas como os Tame Impala.

Em 2017, lançaram o seu segundo disco. Volcano mantém a identidade da banda, mas reforça a componente pop, com mais electrónica ao serviço de canções de todas as cores. “Certainty”, “Born into the Sunset” e “Roman God-Like Man” são temas para ouvir no dia 19 de julho no Super Bock Super Rock.

Entram os Temples, sai TORRES, que, devido a circunstâncias imprevistas da artista, não vai poder atuar no Festival.

Até agora, o Super Bock Super Rock tem confirmados os nomes de The xx, Justice, Lee Fields & The Expressions, Mahalia Burkmar, Parcels, Princess Nokia, Parkinsons, Temples e The Vaccines (19 de julho), Travis Scott, Anderson .Paak & The Free Nationals, Slow J, Tom Misch, Oddisee, Pierre Kwenders, The Alchemist, ProfJam e Olivier St. Louis (20 de julho) e Julian Casablancas & The Voidz, Benjamin Clementine, Sevdaliza, Baxter Dury, Stormzy, Sofi Tukker, The The, Isaura e Jorja Smith (21 de julho).

Também já é conhecida a programação completa do palco LG, além de um tributo ao falecido Zé Pedro.

O Super Bock Super Rock decorre de 19 a 21 de julho no Parque das Nações, em Lisboa, e os bilhetes já estão à venda por 55€ (bilhete diário) e 109€ (passe de três dias). Está ainda disponível o Fã Pack FNAC de Natal em quantidade limitada por 95€, que inclui o passe de três dias e uma t-shirt oficial. Há ainda opção de bilhete diário VIP (150€) e passe de três dias VIP (260€), que dá acesso à área reservada na frente do palco e, claro, acesso à zona VIP.

Os preços apresentados ficam ativos ao dia 30 de junho. A partir de 1 de julho, o bilhete diário passa a 60 euros e o passe de três dias passa a 114 euros. Já o bilhete diário VIP passa a 155 euros e o Passe VIP a 265 euros.


- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

- Publicidade -

Relacionados

Cartaz do Super Bock Super Rock 2022 está completo

Kevin Morby cancelou as datas da sua tournée de julho, pelo que não atuará no Super Bock Super Rock.

Palcos LG no Super Bock Super Rock e MEO Sudeste com programação completa

Com presença assídua nestes festivais nos últimos seis anos, a LG Portugal volta este ano a reforçar a sua aposta no apoio à cultura e aos talentos que agora estão a iniciar a sua carreira no mundo da música.

DaBaby, SILVA, Hinds e Son Lux confirmados no Super Bock Super Rock 2022

DaBaby vai para o Palco Super Bock ao passo que os restantes completam a programação do Palco EDP.

Metronomy e Sports Team juntam-se ao cartaz do Super Bock Super Rock 2022

Uma bela adição a pensar naqueles que perderam os concertos a solo da banda.
- Publicidade -
- Publicidade - trk
- Publicidade -

Mais Recentes

Santa Catarina Sushi Bar. O novo restaurante do Chiado tem tudo para conquistar

Além de sushi, há ainda tacos e ceviche, num restaurante super agradável e que vai ao encontro daquilo que os clientes procuram.

Já podem ter uma party night no Mex Factory

O que significa já podem jantar naquele espaço inserido no icónico LX Factory.

Faro e Oeiras avançam com primeiros contratos PRR para 163 casas

Em Faro, o investimento estimado é de 8,2 milhões de euros, ao passo que, em Oeiras, o investimento é de 19,4 milhões de euros.