Super Bock Arena: O renovado Pavilhão Rosa Mota tem capacidade para 8 mil pessoas

por Echo Boomer

Após anos de degradação, é desta que o Pavilhão Rosa Mota volta ao ativo. E com novo nome. Chama-se a partir de agora Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota e será um espaço na cidade do Porto dotado de tecnologia moderna para acolher eventos culturais, desportivos e empresariais de grandes dimensões. Terá capacidade para acolher até oito mil pessoas.

As obras do Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota, que começaram no final de 2017, estarão concluídas até ao final do primeiro semestre de 2019, sendo que a apresentação pública está prevista para fevereiro. Este projeto resulta de um investimento de oito milhões de euros por parte do consórcio constituído pelas empresas Lucios e PEV Entertainment, esta última promotora do festival MEO Marés Vivas.

O icónico pavilhão situado nos Jardins do Palácio de Cristal foi construído no início dos anos 50 do século XX, após demolição do edifício original. Em 1952, ainda com a abóbada incompleta, e já com o nome de Pavilhão dos Desportos, acolheu o Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins. Em 1991, em homenagem aos feitos alcançados pela atleta portuense Rosa Mota, alterou o seu nome para Pavilhão Rosa Mota.

Também pode interessar

Deixar uma resposta

O Echo Boomer utiliza cookies para dar a melhor experiência possível aos nossos leitores. Aceitar Ler mais

%d bloggers like this: