Rapper Slowthai confirmado no Vodafone Paredes de Coura 2020

Ao já composto cartaz do Vodafone Paredes de Coura 2020 junta-se agora um novo nome: trata-se do rapper Slowthai, que vai ao Couraíso apresentar letras cruas e emocionalmente diretas que desmascaram as lutas e preocupações da juventude britânica.

- Publicidade -

Tryon Frampton começou por causar burburinho com o tema “Jiggle”, mas foi com “T N Biscuits” e com o EP RUNT que conseguiu conquistar a atenção da imprensa especializada.

Já no ano passado lançou o álbum Nothing Great About Britain, uma carta aberta ao estado atual da economia e sociedade britânica. Neste primeiro disco, Slowthai contou também com a colaboração de Skepta e Mura Masa.

Slowthai junta-se aos já confirmados Pixies, Parquet Courts, Woods, Black Country, New Road, IDLES, The Comet Is Coming, (Sandy) Alex G, Mac DeMarco, Tommy Cash, Squid, Ty Segall & Freedom Band, Yellow Days, Daughter, Floating Points (Live), BadBadNotGood, Boy Harsher, Pinegrove, Viagra Boys, L’Impératrice, Beabadoobee, Nu Guinea (Live band) e 박혜진Park Hye Jin.

Quanto aos bilhetes, podem ser adquiridos na app oficial do festival, na BOL online e locais habituais por 110€. É possível que, em breve, os clientes Vodafone possam, à semelhança da edição deste ano, comprar o passe a um preço reduzido para o Vodafone Paredes de Coura 2020.

Podem também comprar o passe geral através do site da Via Verde, que, neste caso, inclui também estacionamento gratuito, 25% desconto na portagem e ainda 8€ em combustível.

Recorde-se que o Vodafone Paredes de Coura está de regresso nos dias 19, 20, 21 e 22 de agosto.

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,430FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

Concerto dos Cut Copy em Portugal está agora agendado para outubro de 2021

Naturalmente, os bilhetes já adquiridos mantêm-se válidos para a nova data.

Sonic Blast já tem datas para 2021

A 10ª edição do festival irá, também, realizar-se num novo recinto.

Música: Álbuns essenciais (outubro)

Há poucos paralelismos com o mês de setembro, na medida em que tudo estava controlado até meio do mês.

Ghostemane regressa a Portugal em novembro de 2021

Ainda este ano, antes da pandemia, Ghostemane deu espetáculos em Portugal.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes