NOS Primavera Sound: quem virá ao Porto?

por Echo Boomer

Depois de revelado o cartaz do festival Primavera Sound Barcelona, os fãs portugueses aguardam com impaciência os nomes que irão passar pelo Porto entre os dias 6 e 8 de junho, na realização do festival “irmão”.

Analisados os artistas que compõem o cartaz do festival Primavera Sound de Barcelona este ano, percebemos que, pela primeira vez, há um alinhamento paritário, com igual número de homens e mulheres, entre os artistas, pelo que o conceito deve também ser adaptado ao cartaz do NOS Primavera Sound Porto.

Entre os 226 nomes que figuram no alinhamento do festival espanhol, é sempre incerto adiantar o que poderá ou não passar pelo Porto, no entanto, fonte próxima da página de Fãs do festival português, adianta a forte possibilidade da atuação dos Tame Impala, que anunciaram recentemente nas suas redes sociais “novo ano. Novos concertos. Novos sons”, sendo certo que a banda se prepara para lançar um novo álbum em 2019.

O rapper norte-americano NAS é outro dos nomes apontados para a edição portuense do Primavera Sound, assim como a francesa Christine & The Queens, Snail Mail, Rosália ou Courtney Barnett, que são outras das fortes apostas.

De acordo com a página de Fãs do Primavera Sound Porto, os Interpol, coletivo de Paul Banks, Daniel Kessler, Carlos Dengler e Greg Drudy, têm apenas quatro concertos anunciados no mês de junho, pelo que estão livres nas datas do Primavera portuense, onde já atuaram em 2015, a última vez que passaram por Portugal.

Palpites à parte, o NOS Primavera Sound Porto já conta com as primeiras confirmações. Os Guided By Voices estão confirmados nos dois festivais, de acordo com a publicação da própria banda na sua página oficial do Facebook, a banda Shellac também já anunciou a participação no evento e o projeto Modeselektor confirmou a presença no festival português numa story partilhada no Instagram.

No campo dos “excluídos” figuram os The Mystery of the Bulgarian Voices, que anunciaram dois concertos em nome próprio em Portugal, dois dias antes do festival, a 4 e 5 de junho, em Lisboa e no Porto, respetivamente. Boy Pablo também deve estar fora do evento portuense, uma vez que já foi confirmada a atuação no Vodafone Paredes de Coura.

Texto de: Ana Laura Duarte; Foto de: Telmo Pinto


Também pode interessar

Deixar uma resposta

O Echo Boomer utiliza cookies para dar a melhor experiência possível aos nossos leitores. Aceitar Ler mais

%d bloggers like this: