- Publicidade -

Mais Recentes

Crítica – Concrete Cowboy

Concrete Cowboy contém uma história formulaica e nada surpreendente que podia ter sido mais cativante se o foco se tivesse mantido na narrativa principal.

Crítica – Kong: Skull Island

Kong: Skull Island não chega perto do nível do filme que iniciou MonsterVerse, mas também se encontra longe de ser uma desilusão titânica

Crítica – Godzilla (2014)

Godzilla concentra-se mais nas personagens humanas do que nas lutas entre os monstros e, apesar do equilíbrio narrativo precisar de alguns ajustes, funciona surpreendentemente muito bem.

Música – Álbuns essenciais (fevereiro 2021)

Este foi o mês com o maior número de álbuns muito bons/excelentes e, também, o mês mais difícil de tomar decisões sobre que músicas enaltecer e que classificações dar aos álbuns.

Crítica – Zack Snyder’s Justice League

Zack Snyder's Justice League é, sem dúvida, um filme mais coeso, consistente e emocionalmente convincente do que a versão de 2017.

Crítica – Justice League (2017)

Justice League permanece surpreendentemente decente, mesmo após todos estes anos.

Crítica – WandaVision (Temporada Completa)

WandaVision é tão estranha e misteriosa como se antecipava. Elizabeth Olsen brilha.

Crítica – Chaos Walking

Chaos Walking irá terminar como um dos filmes mais dececionantes e frustrantes do ano. Mais um para a lista de "filmes com conceitos inovadores e interessantes que não conseguem alcançar metade do seu potencial".

Crítica – One Night In Miami

One Night in Miami conta com um dos melhores elencos de 2020. Uma obra magnífica de filmmaking e storytelling.

Crítica – Raya and the Last Dragon

Lead: Raya and the Last Dragon segue uma narrativa parcialmente desapontante e formulaica, mas compensa com animação belíssima, uma banda sonora arrepiante e um final bastante agradável.

Crítica – Nomadland

Nomadland irá desiludir quem antecipar uma história mais ativa, mas será uma história contemplativa, esclarecedora e emocional para quem se deixar levar pelos nómadas reais.

Crítica – Cherry

Cherry é uma trapalhada indiscutível, mas ainda se aguenta firme devido a uma primeira metade cativante e à melhor performance da carreira de Tom Holland, para além de ser geralmente bem filmado.

Crítica – The Father

The Father oferece uma experiência brutalmente devastadora e emocionalmente poderosa sobre a demência que não deixará ninguém indiferente.

Crítica – The United States vs. Billie Holiday

The United States vs. Billie Holiday podia ter sido uma história inspiradora, mas só não é um desastre gigante devido à estreia impressionante de Andra Day enquanto atriz.

Crítica – The Mauritanian

The Mauritanian conta uma história verdadeira chocante que todos devemos ver, mais tarde ou mais cedo.

Música – Álbuns essenciais (janeiro 2021)

Ano novo, vida igual. Mas pelo menos há música nova!

Crítica – I Care a Lot

I Care a Lot é um dos melhores filmes que a Netflix ofereceu este ano, até agora. Rosamund Pike brilha, mas o argumento de J Blakeson é o verdadeiro espetáculo.

Crítica – Malcolm & Marie

Malcolm & Marie é tecnicamente impressionante, com um John David Washington e principalmente uma Zendaya fenomenais, mas a história e as personagens complicadas empurram-me para o lado negativo deste filme divisivo.

Sundance 2021 – Resumo

Foi a primeira vez que o Echo Boomer cobriu um festival internacional.

Sundance 2021 – Quinto dia

Opiniões concisas sobre os filmes que assisti durante o quinto dia do festival Sundance 2021, incluindo links para as respetivas críticas.
- Publicidade -