Cinemateca reforça programação online com mais filmes portugueses e conteúdos para os mais novos

O que é que uma instituição pública dedicada à difusão e preservação da arte cinematográfica e, em especial, do cinema português, pode fazer durante estes dias? Apostar no digital, pois claro. E é mesmo isso que a Cinemateca Portuguesa vai fazer.

- Publicidade -

Com os cinemas fechados, o diretor da instituição, José Manuel Costa, referiu em comunicado que a Cinemateca Portuguesa vai reforçar a programação online, com filmes portugueses, conteúdos para os mais novos e ensaios sobre cinema.

Cinemateca

“Num período em que, para o bem de todos e de cada um, devemos manter-nos nas nossas casas, esta é a nossa forma de levar um pouco mais do que somos e do que fazemos aos que nos procuram”, afirma José Manuel Costa na mesma nota.

Esta é, portanto, “uma nova frente de contacto com o seu público”, através da página oficial da instituição, reforçando a presença de conteúdos de obras cinematográficas e relacionados com a história do cinema.

A título de exemplo, hoje, segunda-feira, 13 de abril, são disponibilizadas por tempo limitado as obras Lisboa, crónica anedótica (1930), de João Leitão de Barros, e Os verdes anos (1963), de Paulo Rocha.

No que toca a outras películas, sabe-se que serão exibidos online filmes dedicados especificamente à revolução de 25 de Abril de 1974, incluindo a obra coletiva As armas e o povo.

Já para os mais novos, ficará disponível um dos espetáculos de Lanterna Mágica e a divulgação de objetos pré-cinema, que fazem parte da coleção da instituição.

Recorde-se que desde 2011 a Cinemateca tem vindo a reforçar a vertente digital, sendo possível pesquisar, consultar e visualizar cerca de 170 filmes “da produção portuguesa de não-ficção do período 1896-1931”, além de fotografias, cartazes e textos de época.

Fonte:CPMC
- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Há vários filmes portugueses para ver na Amazon Prime Video

Basta carregar no play e ver, sem que tenham de pagar mais por isso. Desde que tenham uma subscrição ativa, claro.

Com os cinemas fechados, filmes portugueses podem chegar mais cedo à TV e plataformas de streaming

É o que diz o Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA), naquela que é uma medida excecional que estará em vigor durante estes dias em que tudo está parado devido à pandemia de COVID-19.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Fórmula 1 – Grande Prémio de França com furos na estratégia da Mercedes

A Fórmula 1 voltou ao circuito Paul Ricard com a edição de 2021 do Grande Prémio de França e, se durante os treinos e qualificação, ficou a ideia que os Pirelli podiam sair furados novamente, afinal foi a estratégia da Mercedes que saiu feita em pedaços. No fim, quem festejou foi a Red Bull: vitória de Max Verstappen e 3º lugar para Sergio Pérez.

Mais antiga praça de touros de Portugal dará lugar a um centro cultural

O projeto é da Zaratan, uma associação de arte arte sediada em Lisboa.

Rede regional dos Açores vai ter nove novos percursos pedestres

Os municípios e juntas de freguesa têm agora 12 meses para implementar os traçados aprovados.