fbpx

“A Forma da Água” sai vencedor nos Óscares

Já muitos esperavam que o filme do mexicano Guillermo del Toro vencesse o Óscar em detrimento de Três Cartazes à Beira da Estrada, e tal aconteceu. A Forma da Água foi o grande vencedor na cerimónia da 90ª edição dos Óscares, que teve lugar este domingo no Dolby Theater, em Los Angeles. Apesar de estar nomeado para 13 categorias, acabou por levar “somente” quatro óscares: Melhor Filme, Melhor Realizador (Guillermo del Toro), Melhor Banda Sonora Original e Melhor Design de Produção.

O filme era um dos grandes favoritos à vitória. Curiosamente, esta vitória na categoria de melhor realizador fez com que, em cinco anos, realizadores mexicanos tenham ganho um Óscar de Melhor Realizador: Alfonso Cuarón, em 2014, Alejandro González Iñárritu, em 2015 e 2016, e, agora, Del toro em 2018.

De resto, foi uma noite sem surpresas. Frances McDormand, a grande favorita na sua categoria, venceu o Óscar de Melhor Atriz Principal pelo papel em Três Cartazes à Beira da Estrada e, já em palco, pediu para todas as mulheres se levantarem na sala e perceberem o seu poder na indústria; Gary Oldman, também favorito, levou para casa o Óscar de Melhor Ator Principal pela sua interpretação como Winston Churchill no filme A Hora Mais Negra; Allison Janney venceu o Óscar de Melhor Atriz Secundária pelo filme Eu, Tonya e Sam Rockwell, pela primeira vez nomeado ao Óscar, foi distinguido com o Óscar de Melhor Ator Secundário pelo papel em Três Cartazes à Beira da Estrada.

Como previsto, Dunkirk, de Christopher Nolan, acabo por ganhar em três categorias técnicas, onde era o claro favorito: Melhor Montagem, Montagem de Som e Melhor Mistura de Som.

Coco venceu na categoria de Melhor Filme de Animação e Melhor Música Original e Jordan Peele tornou-se no primeiro negro a ganhar o Óscar de Melhor Argumento Original pelo filme Foge.

De realçar ainda a vitória do veterano James Ivory, que, aos 89 anos de idade, ganhou o Óscar de Melhor Argumento Adaptado por Call Me By Your Name, tornando-se na pessoa mais velha a receber uma estatueta dourada. Outro veterano, Roger A. Deakins, lá conseguiu o primeiro óscar na categoria de Melhor Direção de Fotografia pelo filme Blade Runner 2049.



O que acabou por ser uma surpresa foi a vitória do documentário Icarus, da Netflix, na categoria de Melhor Documentário, quando se esperava que Olhares Lugares saísse vencedor.

Ao contrário do que sucedeu nos Globos de Ouro, em que houve um movimento para todos usarem roupa preta, a cerimónia dos Óscares foi mais contida nesse aspecto, apesar de, obviamente, terem existido alguns pins aluvisos aos movimentos #MeToo e Times’Up.

Já dentro do Dolby Theatre, Jimmy Kimmel, o apresentador de serviço, iniciou a gala de prémios com uma série de montagens a preto e branco com a voz do apresentador a imitar um narrador de filmes antigos. O objetivo era o de fazer perceber às pessoas o que as levava a ir ao cinema.

Depois as bicadas do costume: o engano em relação ao vencedor na categoria de melhor filme no ano passado, a expulsão de Harvey Weinstren de Hollywood, a necessidade em salientar que estamos numa era em que todos devem fazer valer os seus direitos, as alusões aos diversos casos de assédio sexual que têm manchado a indústria, e, também, o realce da desigualdade salarial entre homens e mulheres.

A lista completa dos vencedores:

Melhor Filme

Chama-me Pelo Teu Nome

A Hora Mais Negra

Dunkirk

Foge

Lady Bird

Linha Fantasma

The Post

A Forma da Água, de Guillermo del Toro

Três Cartazes à Beira da Estrada

 

Melhor Realizador

Dunkirk, Christopher Nolan

Foge, Jordan Peel

Greta Gerwig,Lady Bird

Linha Fantasma, Paul Thomas Anderson

Guillermo Del Toro, A Forma da Água

 

Melhor Actor Principal

Timothée Chalamet, Chama-me Pelo teu Nome

Daniel Day-Lewis, Linha Fantasma

Daniel Kaluuya, Foge

Gary Oldman, A Hora Mais Negra

Denzel Washington, Roman J. Israel, Esq.

 

Melhor Atriz Principal

Sally Hawkins, A Forma da Água

Frances McDormand, Três Cartazes à Beira da Estrada

Margot Robbie, Eu, Tonya

Saorsie Ronan, Lay bird

Meryl Streep, The Post

 

Melhor Ator Secundário

Willem Dafoe, The Florida Project

Woody Harrelson, Três Cartazes à Beira da Estrada

Richard Jenkins, A Forma da Água

Christopher Plummer, Todo o Dinheiro do Mundo

Sam Rockwell, Três Cartazes à Beira da Estrada

 

Melhor Atriz Secundária

Mary J Blige, As Lamas do Mississipi

Allison Janney, Eu, Tonya

Lesley Manville, Linha Fantasma

Laurie Metcalf, Lady Bird

Octavia Spencer, A Forma da Água

 

Melhor Fotografia

Blade Runner 2049

A Hora Mais Negra

Dunkirk

As Lamas do Mississipi

A Forma da Água

 

Melhor Argumento Original

Amor de Improviso

Foge

Lady Bird

A Forma da Água

Três Cartazes à Beira da Estrada

 

Melhor Argumento Adaptado

Chama-me Pelo Teu Nome

Um Desastre de Artista

Logan

Jogo da Alta Roda

As Lamas do Mississipi

 

Melhor Banda Sonora

Dunkirk

Linha Fantasma

A Forma da Água

Star Wars – O Último Jedi

Três Cartazes à Beira da Estrada

 

Melhor Canção Original

Mighty river, As Lamas do Mississipi

Mistery of Love, Chama-me Pelo Teu Nome

Remember me, Coco

Stand up for something, Marshall

This is me, The Greatest Showman

 

Melhor Filme Estrangeiro

Uma Mulher Fantástica, de Sebastián Lelio (Chile)

The Insult, de Ziad Doueiri (Líbano)

Loveless, de Andrey Zvyagintsev (Rússia)

Corpo e Alma, de Ildikó Enyedi (Hungria)

O Quadrado, de Ruben Östlund (Suécia)

 

Melhor Documentário

Abacus

Olhares Lugares

Icarus – Bryan Fogel

Last Men in Aleppo

Strong Island

 

Melhor Documentário (Curta-Metragem)

Edith e Eddie

Heaven is a traffic jam on the 405

Heroin

Kniffe Skills

Traffic Stop

 

Melhor Filme de Animação

The Boss baby

The Breadwinner

Coco – Lee Unrich e Darla K.Anderson

Ferdinand

Loving Vincent

 

Melhor Curta-Metragem de Animação

Dear Basketball – Glen Keane e Kobe Bryant

Garden Party

Lou

Negative Space

Revolting Rhymes

 

Melhor Curta-Metragem Live Action

DeKalb Elementary

The Eleven O’Clock

The Nephew Emmet

The Silent Child

All of us

 

Melhor Direção Artística

A Bela e o Monstro

Blade Runner 2049

A Hora Mais Negra

Dunkirk

A Forma da Água

 

Melhor Montagem

Baby Driver: Alta Velocidade

Dunkirk

Eu, Tonya

A Forma da Água

Três Cartazes à Beira da Estrada

 

Melhores Efeitos Visuais

Blade Runner 2049

Guardiões da Galáxia 2

Kong: Skull Island

Star Wars – O Último Jedi

Planeta dos Macacos: A Guerra

 

Melhor Mistura de Som

Baby Driver: Alta Velocidade

Blade Runner 2049

Dunkirk

A Forma da Água

Star Wars – O Último Jedi

 

Melhor Edição de Som

Baby Driver: Alta Velocidade

Blade Runner 2049

Dunkirk

A Forma da Água

Star Wars – O Último Jedi

 

Melhor Guarda-Roupa

A Bela e o Monstro

A Hora Mais Negra

Linha Fantasma

A Forma da Água

Victoria e Abdul

 

Melhor Caracterização

A Hora Mais Negra

Victoria e Abdul

Wonder


- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,778FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
628SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

O melhor filme do ano já pode ser visto em 42 salas de cinema de Portugal

Falamos, claro, de Parasite, que, surpreendendo muita gente, ganhou o Óscar de Melhor Filme na cerimónia deste ano, sendo o primeiro filme estrangeiro a conseguir tal feito. E claro, esta vitória na mais importante entrega de prémios do planeta deu nova força à película.

Óscares 2020. Quem vai ganhar e quem merecia ganhar

A 92ª edição dos Óscares acontece mais logo e, como tal, está na altura de partilhar os nossos palpites.

Cinema City volta a exibir alguns dos filmes nomeados aos Óscares

Se não tiveram oportunidade de ver alguns dos filmes nomeados aos Óscares no grande ecrã, mas gostavam de o fazer, temos boas novidades: as salas Cinema City vão voltar a exibir alguns dos filmes nomeados.
- Publicidade -

Mais Recentes

Celebra o aniversário do Batman com o LEGO do seu Batwing

O novo set de coleção é inspirado no icónico veiculo do filme de 1989.

Câmara Municipal de Lisboa vai continuar a apostar em água reutilizada para lavar as ruas e regar espaços verdes

A Câmara Municipal de Lisboa aprovou a proposta para a construção da Rede de Água Reutilizada de Lisboa na Zona Ribeirinha e Bairro Alto.