13ª Festa do Cinema Italiano vai ter muitos filmes na Filmin

Os filmes estão disponíveis para aluguer individual a 3,95€ durante uma semana após a data de estreia no festival.

Festa do Cinema Italiano
- Publicidade -

Em fevereiro passado, começámos por revelar que a Filmin Portugal fazia questão de acolher uma versão digital da Festa do Cinema Italiano, pondo-se desta maneira ao serviço da cultura cinematográfica, criando uma casa virtual para todos aqueles filmes e festivais que não puderam acontecer.

Dois meses depois, em abril, a plataforma recebeu uma programação especial dedicada a Itália, naquela que foi uma oportunidade para mostrar algumas das mais importantes obras do recente cinema italiano, incluindo algumas estreias online.

Agora, numa altura em que a 13ª Festa do Cinema Italiano está prestes a acontecer fisicamente (a partir de 4 de novembro), eis que a plataforma digital vai contar com uma espécie de versão online do festival, que engloba não só obras comuns às do evento físico, como uma seleção de filmes inéditos.

Em estreia nacional e exclusivamente na Filmin, temos Ricordi? (2018), de Valerio Mieli. Triplamente premiado no Festival de Veneza, com Luca Marinelli e Linda Caridi, o filme retrata uma relação amorosa dissecada através de lembranças. Juntas, compõem uma partitura do passado que, por muito que escrita com as mesmas notas, soa de modo diferente consoante o narrador. Sobre o estranho lugar que ocupa o amor na memória de cada um.

Do conjunto de títulos que a Filmin partilhará com o festival, destaca-se o galardoado regresso de Ferzan Özpetek, com La dea fortuna (2019), notável drama centrado em Arturo e Alessandro, um casal a viver o crepúsculo da sua relação; Il campione (2019) de Leonardo D’Agostini, uma comédia acerca de um volátil futebolista e o seu tutor; e Cosa Ci dice il cervello (2019), uma comédia satírica com Paola Cortellesi a ser mãe, amiga, agente secreta e mulher não convencional.

Para além dos sucessos de bilheteira, juntam-se à Festa as cópias restauradas de Federico Fellini, assim como dois dos mais icónicos filmes de Nanni Moretti, Caro Diario (1993) e Palombella Rossa (1989).

A plataforma terá também dois documentários integrados no ciclo A Grande Arte no Cinema, Palladio – O Espetáculo da Arquitetura (2019) realizado por Giacomo Gatti, e Bernini – O Êxtase da Forma (2018) de Francesco Invernizzi.

Por fim, Beautiful Things (2017) da dupla Giorgio Ferrero e Federico Biasin, uma obra híbrida e magnética que junta o documentário e a videoarte; e ainda uma seleção de quatro curtas-metragens, poderão igualmente ser vistas somente em digital através de Filmin.

Os filmes estão disponíveis para aluguer individual a 3,95€ durante uma semana após a data de estreia no festival, com a exceção de Ricordi?, que entra no catálogo de subscrição sem custos adicionais para os assinantes de Filmin, e continuará disponível também depois da edição online da Festa.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

13,056FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
790SeguidoresSeguir

Parceiros

Relacionados

Monstra chega à Filmin com 82 filmes da melhor animação

Têm uns quantos dias para usufruir de uma panóplia de projetos.

13.ª Festa do Cinema Italiano vai mesmo realizar-se este ano

Será em novembro, em mais de 10 cidades portuguesas.

Filmin vai ter oito filmes europeus para vermos gratuitamente durante uma semana

A ideia é trazer à tona uma reflexão sobre a ideia de Europa através do cinema que nela é criado.

Começa hoje a Festa do Cinema Italiano em versão online

Foi há duas semanas que aqui dissemos que a Festa do Cinema Italiano ia acontecer em formato online, em virtude da edição deste ano em salas de cinema ter sido adiada. Pois bem, é hoje que começa o evento, mas em versão adaptada a esta nova realidade.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Setúbal. Bairro Cool aposta na tradição, essência e história do famoso Bairro Troino

Até outubro, vão decorrer várias iniciativas no Bairro Troino, desde as Happy Friday's, a eventos de requalificação da zona histórica, Santos Populares, Mercados, entre outros.

Parques aquáticos e de diversão podem voltar a funcionar nos concelhos mais avançados no desconfinamento

A evolução da pandemia de covid-19 permite continuar com as medidas aprovadas, embora com alguns acertos.