Worten passa a vender os livros da editora Penguin Books no seu site

O site da Worten abrange, atualmente, um catálogo com mais de 200 mil produtos na categoria de Livros.

Worten livros
- Publicidade -

Depois de, no passado mês de fevereiro, ter disponibilizado o seu marketplace aos produtos da Staples, eis que a Worten reforça a aposta no mercado livreiro com a inclusão dos livros da Penguin Books no seu site.

Quer isto dizer que aquela que é uma das maiores editoras internacionais passa a disponibilizar mais de 20.000 novos títulos que se juntam ao vasto catálogo da Worten.

Trata-se de uma recente e forte aposta da Worten, que visa, assim, corresponder às preferências dos leitores portugueses, através de um catálogo ainda mais diversificado e ao gosto de cada um. O objetivo é que os clientes encontrem qualquer livro que procurem, independentemente do género literário, sem sair de casa.

O site da Worten abrange, atualmente, um catálogo com mais de 200 mil produtos na categoria de Livros.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Worten vai diminuir consumo energético nas lojas graças à Inteligência Artificial

O SATO, projeto de inovação com chancela da União Europeia (UE), conta com o apoio da Worten, a única marca de retalho presente no consórcio.

IVAucher passa a contabilizar compras de livros e discos

Ainda vão a tempo de se registarem no IVAucher.

Abriu uma loja Worten no Espaço Guimarães

A Worten é daquelas lojas que podem estar abertas durante o confinamento.

Oeiras também vai entregar livros ao domicílio

Não é o único município a fazê-lo.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Pingo Doce chega pela primeira vez aos Açores

O sortido do espaço conta com muitos produtos regionais, fruto das parcerias feitas com 129 fornecedores dos Açores.

Continente abre primeira loja em Gouveia

Continua a expansão da marca da Sonae.

Lagoa dos Salgados será classificada como área protegida de âmbito nacional

Há 21 anos que, em Portugal, não era classificada nenhuma área protegida de interesse nacional.