Worten vai diminuir consumo energético nas lojas graças à Inteligência Artificial

O SATO, projeto de inovação com chancela da União Europeia (UE), conta com o apoio da Worten, a única marca de retalho presente no consórcio.

- Publicidade -

A Worten será a única marca do retalho a apoiar um dos mais recentes projetos de inovação financiados pela União Europeia (UE), designado por SATO – Self Assessment Towards Optimization of Building Energy. Este projeto irá realizar, através de um sistema de Inteligência Artificial (IA), análises autónomas de avaliação e otimização dos equipamentos existentes nos edifícios ou em lojas (no caso da Worten), com o objetivo de melhorar a performance energética.

Através desta parceria, a Worten consegue, assim, reforçar os seus compromissos na área da sustentabilidade, nomeadamente no que diz respeito à redução da pegada carbónica e inerente redução do consumo de eletricidade.

Efetivamente, a Worten contribui para o projeto SATO em duas vertentes: Edifícios e Equipamentos. No caso dos Edifícios, a Worten irá implementar nas suas lojas, espalhadas um pouco por todo o país, um software de IA, para realizar análises autónomas de avaliação e otimização dos equipamentos mecânicos e elétricos (iluminação, Avac, IT Hardware, móveis eletrificados). O objetivo será, claramente, diminuir os consumos energéticos e otimizar as operações de manutenção preventiva e corretiva, numa ótica de aumento da sustentabilidade da presença física, diminuição de custos e otimização das intervenções.

No que se refere à segunda vertente ligada aos Equipamentos, e com uma abordagem focada, sobretudo, no consumidor, o projeto oferece uma solução de IA que permite registar, monitorizar e antever o funcionamento dos aparelhos eletrónicos e eletrodomésticos existentes nas casas dos clientes. De forma a antecipar as necessidades do consumidor, podem ser ativados serviços de pós-venda direcionados (seguros, campanhas de substituição de equipamentos, de reparação, auxílio à poupança da fatura elétrica, eficiência e certificação energética, etc.).

O projeto SATO arrancou no dia 1 de outubro de 2020 e deverá terminar a 30 de setembro de 2023. Com um investimento global de sete milhões de euros, o projeto conta com um total de 20 parceiros, entre os quais a Worten, de sete países europeus.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Worten passa a vender os livros da editora Penguin Books no seu site

O site da Worten abrange, atualmente, um catálogo com mais de 200 mil produtos na categoria de Livros.

Nova SBE lança curso gratuito de Inteligência Artificial

Com uma duração total entre 30 e 60 horas.

Abriu uma loja Worten no Espaço Guimarães

A Worten é daquelas lojas que podem estar abertas durante o confinamento.

Site da Worten passa a vender produtos da Staples

E não é a única novidade por estes dias.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

O novo hambúrguer da Burger Wheels é de comer e chorar por mais

Não só já provámos, como até repetimos.

Blade of Darkness – À lei da espada

Um regresso ao passado competente que merecia algumas melhorias na jogabilidade.