Web Summit fez gerar mais de oito mil notícias sobre Lisboa

A Web Summit, que decorreu na semana passada em Lisboa, colocou a capital portuguesa no centro das atenções dos órgãos de comunicação social de todo o mundo. Em pouco mais de um mês, Lisboa foi citada em 8.195 notícias em meios online de mais de 110 países.

Segundo um estudo da Cision, os Estados Unidos foram o país que mais destaque deu ao evento organizado por Paddy Cosgrave. Entre 1 de outubro e 9 de novembro, foram publicados 2.769 artigos em meios norte-americanos, cerca de um terço do total.

A Espanha foi o segundo país com mais notícias sobre o evento, somando 634 menções. Seguiu-se o Reino Unido, com 361, o Brasil, com 350, a França e a Alemanha, ambas com 326. Áustria, Canadá, Itália e Índia completam o top-10, todas com mais de 150 menções.




Em Portugal, esta nova edição da conferência também foi acolhida entusiasticamente pelos media, que lhes dedicaram mais de seis mil notícias desde 1 de outubro: 4.312 na internet, 520 em meios impressos, 936 em televisão e 287 na rádio. Nas televisões nacionais, a Web Summit ocupou cerca de 53 horas de tempo de antena, a que se somam mais de 12 horas e meia de emissão na rádio.

Estes dados de exposição mediática juntam-se a outros que dão conta da dimensão global da cimeira: este ano estiveram em Lisboa para este evento cerca de 70 mil pessoas de 170 países. Segundo dados da organização, foram acreditados 2.500 jornalistas portugueses e estrangeiros. O Governo estima em 300 milhões de euros a atividade económica gerada pela Web Summit.


 

- Publicidade -

Sigam-nos

10,464FansCurti
4,047SeguidoresSeguir
532SeguidoresSeguir

Relacionados

Lisboa vai ter rede ciclável de 200 km até 2021 e mais estacionamento para bicicletas

Transformação do espaço pedonal e aumento da rede ciclável são algumas das medidas do município para evitar o aumento do transporte individual e a poluição.

Carris volta a reforçar serviço. Todas as carreiras passam a funcionar com horário de verão, mas há exceções

Estas são alterações feitas tendo em conta a redução das medidas de confinamento e a retoma parcial da atividade económica.

Avenida da Liberdade volta a ganhar vida a 18 de maio

As lojas e demais ocupantes da zona comercial mais emblemática de Lisboa reabrem portas com novas regras.

EMEL volta a cobrar estacionamento a partir de 11 de maio

Com os serviços a tentarem regressar à "normalidade", também a empresa vai retomar o estacionamento tarifado na cidade de Lisboa.
- Publicidade -

Mais Recentes

Inquérito revela que 82% dos fãs estão prontos para voltar aos eventos ao vivo

A pesquisa foi realizada pela Festicket a mais de 110 mil inquiridos.

Música: Álbuns essenciais (abril)

Fiona Apple lançou um dos álbuns mais brilhantes dos últimos anos. Pronto, já disse.

EPAL lança versão especial da garrafa COOL dedicada a Lisboa

Tudo isto deve-se ao facto de Lisboa ser, em 2020, a Capital Verde Europeia.