Videojogos fora dos Jogos Olímpicos por “promoverem a violência”

Apesar de alguns dos jogos competitivos que fazem parte das competições de eSports não serem de teor violento, a ideia de que os videojogos promovem a violência é a razão que o presidente do Comité Internacional Olímpico colocou em cima da mesa para justificar a ausência dos videojogos nos Jogos Olímpicos.

- Publicidade -

Se são os ases do Fortnite, os heróis da vossa equipa de Overwatch ou os mais certeiros do CS:GO, o sonho de poderem participar nos Jogos Olímpicos em categorias de videojogos pode estar muito longe.

Thomas Bach, antigo campeão olímpico de esgrima e atual presidente do Comité Olímpico, falou com a Associated Press durante os Jogos Asiáticos de 2018, onde partilhou a importância de ter que parar os videojogos de serem considerados para este tipo de eventos desportivos.

“Não podemos ter no programa Olímpico um jogo que promova a violência ou a descriminação. Eles (os videojogos) são, do nosso ponto de vista, uma contradição aos valores Olímpicos, de tal forma que não podem ser aceites.”

Enquanto ex-campeão de esgrima pela Alemanha nos Jogos Olímpicos de 1976, Bach explicou a diferença entre o teor violento que vê nos videojogos e o da modalidade que faz atualmente parte do programa Olímpico.

“Claro que qualquer desporto de combate tem origem em lutas reais entre pessoas. Mas o desporto é uma expressão civilizada sobre isso. Se temos videojogos em que o objetivo é matar alguém, isso não fará parte dos valores Olímpicos.”

Esta não é a primeira vez que o presidente Olímpico demonstra a sua posição em relação aos videojogos, uma vez que tem havido uma enorme pressão social, cultural e até de empresas da indústria em querer integrar os eSports nessa importante competição desportiva.

Os eSports já fazem atualmente parte de algumas competições desportivas, como é o caso dos Jogos Asiáticos, que, este ano, teve competições de jogos como Clash Royale, Hearthstone, League of Legends, PES e StarCraft II.


- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,987FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
784SeguidoresSeguir

Parceiros

Relacionados

A Federação Académica do Desporto Universitário abraça os esports com novas modalidades

FIFA, League of Legens e Valorant, são os três primeiros jogos a juntarem-se à Federação Multidesportiva.

Betclic Apogee. Chegou uma nova equipa de Esports

O foco? Ser a melhor do mundo no popular jogo da EA Sports, FIFA.

O MOCHE XL Esports 2020 foi cancelado

A organização revelou que o cancelamento se deve a questões de segurança.

Riot Games revela os planos e guidelines para a comunidade de Valorant

Depois de um lançamento explosivo ainda em forma de Closed Beta, Valorant, o novo jogo da Riot Games, mostrou que tudo o que é preciso para ser um dos jogos mais populares e competitivos no mundo dos esports.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Bolt Food passa a estar disponível em toda a linha de Sintra

O serviço de delivery continua a expandir-se no território nacional.

Há novidades vegan na Subway

Uma sandes e uma cookie, para sermos mais exatos.

Análise – Breathedge (PlayStation 4)

Sobrevivam à imensidão no espaço neste novo jogo de sobrevivência.