Vem aí um festival multidisciplinar que vai juntar cultura e negócio em várias cidades portuguesas

por Echo Boomer

Chama-se Revolution Hope Imagination (RHI) e, na sua essência, pretende criar redes internas no país entre artistas, produtores e agentes culturais. Pensemos neste festival como uma iniciativa que pretende criar um diálogo entre as áreas do teatro, literatura, dança, arte, design, arquitetura, cinema, audiovisual, educação e cidadania.

O RHI, a acontecer a 14 e 15 de setembro em Lisboa, de 15 a 19 setembro em Torres Vedras, Óbidos, Caldas da Rainha, Guimarães, Leiria e Alcobaça, e ainda de 19 a 21 de setembro em Évora, Vidigueira, Loulé e Funchal, será, portanto, uma semana com 65 conversas, 55 workshops e 20 espetáculos.

Já depois do RHI acontecer, o festival continua a viver, mas na Internet, numa plataforma online que vai garantir a sustentabilidade dos objetivos da iniciativa. Aliás, nesta plataforma, será depois possível contratar artistas portugueses e estrangeiros.



Esta iniciativa nasceu da mente de Ana Ventura Miranda, na data em que se assinalam oito anos do Arte Institute, projeto que criou para promover a cultura e arte de Portugal em Nova Iorque. Já entre os curadores e programadores do festival temos nomes como José Luís Peixoto, Afonso Cruz, John Gonçalves, Ivo Canelas, Marta de Menezes, Paula Abreu, Pedro Varela e Nuno Bernardo, entre outros.

Os artistas devem ter em atenção que, até 12 de maio, irá decorrer o call for artists, período em que devem enviar as candidaturas de propostas de espetáculos que depois serão selecionadas e integradas nos eventos RHI. Após acontecer o RHI, esses espetáculos passarão a fazer da plataforma online, possibilitando que qualquer produtor de qualquer parte do mundo possa ter acesso e, dessa forma, conhecer o trabalho dos artistas nacionais.

Já para os interessados neste festival multidisciplinar, também há novidades. Já se podem tornar membros do RHI, através da inscrição na plataforma, e ficar com uma subscrição anual que oferece descontos nos eventos do RHI durante um ano. Quem o fizer poderá, por 20 euros, ficar com um one day pass para todas as conversas e outras oportunidades, bem como comprar os passes para a iniciativa, em setembro, 48 horas antes do público em geral.

Também pode interessar

Deixar uma resposta

O Echo Boomer utiliza cookies para dar a melhor experiência possível aos nossos leitores. Aceitar Ler mais

%d bloggers like this: