Top 5 dos festivais de música por descobrir este verão em Portugal

- Publicidade -

E já que vão assistir a concertos, podem perfeitamente ir vestidos a vigor.

Chegou o verão, chegou o bom tempo e a pandemia já lá vai, o que significa que estão de volta os tão aguardados festivais de verão. Por esta altura, festivais como o North Music Festival, NOS Primavera Sound e Rock in Rio Lisboa já aconteceram, mas estamos no final de junho, o que significa que o melhor ainda está por vir.

Em baixo, apresentamo-vos cinco dos festivais de música mais populares em Portugal e aos quais ainda podem ir, se bem que, para alguns, os bilhetes já esgotaram ou estão prestes a esgotar.

1. NOS Alive

É já daqui a uns dias que acontece um dos festivais mais populares de Portugal. Falamos, claro, do NOS Alive, festival que surgiu em 2007 e que, ao longo do tempo, foi evoluindo, embora nunca tenha saído do Passeio Marítimo de Algés.

Para este ano, o festival, que decorre de 6 a 9 de julho, conta com quatro dias – algo que não é totalmente inédito, pois já teve outra edição com mais do que três dias de festa – e tem como nomes fortes os The Strokes, The War on Drugs, Florence + The Machine, Jorja Smith, Metallica, Stormzy, Royal Blood, Imagine Dragons, Da Weasel, entre muitos outros.

Neste momento, o festival está muito perto de esgotar, pois somente estão disponíveis os bilhetes diários para 6 e 7 de julho, bem como o passe de dois dias para essas mesmas datas.

2. Super Bock Super Rock

Logo na semana seguinte, mas na Herdade do Cabeço da Flauta, no Meco, acontece o Super Bock Super Rock, festival que já passou por diversas localizações, mas que, recentemente, se estabeleceu novamente para os lados de Sesimbra. E há algo de positivo nisso: as várias praias disponíveis para uns belos banhos de sol.

Apesar do cartaz ser dos mais fracos dos últimos anos, e até incluir artistas que estiveram envolvidos em polémicas, como é o caso de DaVaby, há outros nomes que podem interessar aos festivaleiros, como A$AP Rocky, Leon Bridges, Metronomy, C. Tangana, Hot Chip, Foals, Jamie XX, Woodkid, entre outros.

Contrariamente ao NOS Alive, o Super Bock Super Rock nem deve esgotar. Mas isso até pode ser bom: significa que os vossos looks terão mais tempo para brilhar.

Muitas vezes, os festivaleiros passam semanas a preparar looks, desenhando o próprio outfit, tudo para dar nas vistas. Então, porque não simplesmente comprar t shirts baratas, que acabam por servir para o efeito e que podem ficar igualmente giras?

É esse o intuito da Wordans, uma marca de roupa líder do mercado grossista têxtil e de acessórios de referência. A marca propõe uma vasta gama de produtos e um catálogo com mais de 63 marcas aos melhores preços, o que significa que, por ali, irão encontrar t-shirts, perfeitas para estes eventos de verão.

Mas além de t shirts baratas, na Wordans também encontram todo o tipo de roupas e acessórios que podem personalizar. Basta escolherem o item em questão e, depois, personalizarem a vossa t-shirt. Têm duas opções: impressão digital, o ideal para imagens a cores; ou serigrafia.

Uma coisa é certa: graças à Wordans, não só poderão comprar t shirts baratas de qualidade, como também as poderão personalizar. Sem dúvida alguma, se decidirem levar uma t shirt personalizada da Wordans, os outros festivaleiros irão definitivamente elogiar o design da vossa t-shirt!

3. Vodafone Paredes de Coura

É um dos festivais mais queridos do público português. Começou também pequenino e, ao longo do tempo, foi evoluindo, sendo hoje em dia muito mais apoiado em termos de marcas, o que também faz com que já tenha trazido belíssimos nomes à vila de Paredes de Coura.

Todos os anos, milhares de festivaleiros fazem uma peregrinação até Paredes de Coura, sendo que aproveitam para fugir da rotina da cidade e rodear-se do melhor que a Natureza tem para oferecer – muitos aproveitam também para dar mergulhos no rio Coura.

Este ano, o cartaz pode também não ser tão forte como em anos recentes, mas, ainda assim, há Pixies, Beach House, Idles, BadBadNotGood, Perfume Genius, The Comet is Coming, Mão Morta, King Gizzard & The Lizard Wizard… Sim, já adivinharam: vai ser bom.

Os bilhetes diários e os passes gerais estão à venda nos locais habituais.

4. EDP Vilar de Mouros

É o festival mais antigo de Portugal, mas, por conta da pandemia, as celebrações dos seus 50 anos de existência ficaram adiadas para a edição deste ano, que se realiza de 25 a 27 de agosto em Vilar de Mouros, freguesia do município da Caminha.

Apesar de ter sido o primeiro festival a surgir no país, em 1971, a segunda edição somente realizou-se em 1982, ao passo que a terceira edição aconteceu apenas em 1996. Ou seja, o Vilar de Mouros nunca foi regular, excetuando o período de 1999 a 2006, em que aconteceu anualmente.

Depois voltou a acontecer em 2014, numa edição organizada pela Fundação AMA Autismo – algo no mínimo caricato um promotor deste género organizar um festival de verão -, e, logo no ano seguinte, voltou a não acontecer, devido à falta de meios da Fundação AMA Autismo.

Finalmente, e desde 2016, o festival Vilar de Mouros encontrou alguma estabilidade, ao ser realizado por três entidades: Câmara Municipal de Caminha, Surprise & Expectation e Junta de Freguesia de Vilar de Mouros.

Os cartazes têm sido bastante interessantes, e este ano não é exceção: Placebo, Suede, Battles, Limp Bizkit, Iggy Pop e Bauhaus, entre outros. Os bilhetes diários e o passe geral estão disponíveis nos locais habituais.

5. MEO Kalorama

Setembro marca a estreia de um festival que foi anunciado em novembro do ano passado. Chama-se MEO Kalorama e não fará a coisa por menos na primeira edição: The Chemical Brothers, Kraftwerk, James Blake, Moderat, Arctic Monkeys, Jessie Ware, Róisín Murphy, Blossoms, Nick Cave and The Bad Seeds, Disclosure, Chet Faker, Ornatos Violeta, entre outros. Belíssimo cartaz, não é?

De facto, este evento tem tudo para ser épico, até porque irá acontecer no Parque da Bela Vista, mesmo recinto do Rock in Rio Lisboa, e cuja capacidade é de 80.000 pessoas por dia.

Estão à venda os bilhetes diários e passes gerais.

Dito tudo isto, qual é o festival que merece o vosso bilhete? Independentemente da vossa escolha, não se esqueçam de comprar as vossas t shirts baratas da Wordans e desenhá-las para os vossos festivais!

- Publicidade -
- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Estes são os 10 festivais portugueses mais pesquisados no Google

E há um ou outro nome que vos pode surpreender.

Eventos-teste acontecem em Braga no final de abril

Foi o que disse a Ministra da Cultura, Graça Fonseca, em entrevista à SIC.

Vai ser possível pedir reembolso este ano de espetáculos e festivais previstos para 2020, mas que foram adiados para 2022

O decreto-lei hoje aprovado prevê ainda a possibilidade da realização de eventos teste-piloto ao longo do ano.

Promotoras vão falar com o Governo para tornar viável a realização de festivais e eventos de música

Numa altura em que a COVID-19 não dá tréguas, milhares de postos de trabalhos relacionados com a cultura estão em risco.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Vila Galé em Tomar deverá estar pronto até novembro de 2023

E será uma unidade hoteleira de cinco estrelas.

Arcade Fire no Campo Pequeno – A música vence sempre?

A banda canadiana recordou-nos que é obreira de alguma da melhor música das últimas duas décadas. O resto? Pois, o resto logo se verá.