Sushima Setúbal reabriu de cara lavada

Tal como chegámos a avançar, o Sushima Setúbal, um dos spots preferidos dos setubalenses no que a sushi diz respeito, estava temporariamente encerrado desde 2 de fevereiro para obras de remodelação no interior do espaço.

- Publicidade -

O conhecido restaurante esteve cerca de quatro semanas fechado, mas os responsáveis tinham entretanto referido nas redes sociais que a abertura iria acontecer muito em breve. Pois bem, há uma boa notícia: o espaço reabriu na última noite do passado mês de fevereiro, estando já preparadíssimo para receber os aficionados por sushi, e não só.

Com uma “cara nova”, o Sushima Setúbal, aberto desde 2015, está mais leve, mais orgânico e mais acolhedor, como nos confidenciou João Shima, dono do restaurante. No fundo, o responsável trabalhou no interior do espaço de modo a que este fosse o mais convidativo possível.

Foi a primeira remodelação a nível de interiores efetuada no local. E de facto ficou muito mais convidativo. As cadeiras, novas, são muito confortáveis, as mesas também são novas e os antigos pratos foram substituídos por conchas de tamanho considerável onde podemos colocar as peças de sushi. Em cima das mesas vão estando também algumas peças decorativas, como pequenos vasos com plantas.

A decoração do espaço estava muito “à Absurdo“, confessou João Shima, uma vez que o Sushima Setúbal foi ocupar precisamente o lugar do antigo bar. E com a ajuda da decoradora Cláudia Borges, o restaurante ganhou uma nova identidade. Uma identidade sua.

É de destacar ainda a existência de um peixe gigante numa das paredes, feito inteiramente por um artesão de Setúbal com recurso a lixo apanhado no mar e que, entretanto, foi reciclado para ter alguma utilidade. Porém, este peixe será substituído a seu tempo por outro que se identifique mais com o logotipo do Sushima.

A qualidade do sushi, essa, promete continuar a dar que falar (pelos melhores motivos, claro), bem como todas as outras opções existentes no menu, mas tudo irá depender da inspiração do sushiman e dos ingredientes que tem à disposição.

Relativamente ao menu, não existem alterações. Contudo, João Shima garantiu ao Echo Boomer que os colaboradores irão começar a utilizar produtos da região, incluindo ostras, pelo que, e pelo menos no menu de degustação, muito em breve irão surgir novidades.

E, importante dizer, os preços mantêm-se inalterados. Normalmente, quando existem remodelações, há também mexidas no menu ou ajustes de preço, mas não foi o que aconteceu aqui.

O responsável do espaço disse-nos também não ter sentido uma menor afluência de clientes mesmo após a inauguração do Kodachi, restaurante de sushi que, de resto, se inspirou no conceito do Sushima. O responsável notou, sim, uma diferença quando abriu o restaurante Sakura, até pelos preços mais acessíveis praticados por este último. “Mas a qualidade não tem nada a ver”, garantiu João Shima, feliz por ter clientes fiéis.

Se quiserem conhecer o novo Sushima Setúbal, basta passarem pelo local (Rua do Barão do Rio Zezere 6), aberto de segunda a domingo das 12h30 às 15h e das 19h30 às 22h30.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,792FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

SushiCorner lançou duas boxes de bom sushi a pensar em que está confinado

O Grupo SushiCafé tem agora um novo sistema de delivery próprio.

Restaurante lisboeta recusa-se a fechar portas durante o novo confinamento

O casal fundador do restaurante Lapo, em Lisboa, invoca a constituição para manter as portas abertas.

Restaurante Astória fecha portas a 10 de janeiro

Mas nem tudo é mau, pois está a ser construído um novo conceito e um novo espaço.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Análise – The Medium

Com um conceito tão interessante como a possibilidade de viajar e controlar ações entre dois mundos em simultâneo, a nova aposta de horror da Bloober Team tem dificuldade em fazer justiça ao seu fantástico potencial.

Salas de cinema podem virar centros de vacinação

O UCI Cinemas garante que tem todas as condições para que o processo de vacinação seja um sucesso.

Vintage 2017, da Niepoort, considerado o melhor Vinho Fortificado do Mundo

É uma distinção que enche todos os Portugueses de orgulho e eleva a Casa Niepoort – atualmente na sexta geração – e o Vinho do Porto a um patamar ainda mais alto do que aquele que já é seu por direito.