Foi publicado o Decreto-Lei para a utilização da app StayAway Covid

A antecipada app deve estar prestes a chegar aos bolsos dos utilizadores.

StayAway Covid
- Publicidade -

No atual contexto epidemiológico, a identificação e acompanhamento de contactos entre cidadãos constitui uma prioridade na intervenção das autoridades de saúde e das equipas de saúde pública para a interrupção de cadeias de transmissão do vírus SARS-CoV-2 e da doença COVID-19.

Sabendo disto, está quase a chegar ao mercado a app StayAway Covid, que, ao utilizar como sensor de proximidade a tecnologia Bluetooth, notifica os utilizadores da exposição individual a fatores de contágio por SARS-CoV-2.

Porém, tem existido alguma preocupação com o tratamentos dos dados, pelo que surge agora o Decreto-Lei que fala nesta questão e que regula a intervenção do médio no sistema.

Sabe-se agora, portanto, que o tratamento dos dados desta app, desenvolvida pelo Instituto de Engenharia de Sistemas de Computadores, Ciência e Tecnologia (INESC TEC), em parceria com o Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto e as empresas Keyruptive e Ubirider, no âmbito da Iniciativa Nacional em Competências Digitais e.2030, fica a cargo da DGS, que contratou à SPMS – Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, E. P. E., os serviços e meios técnicos necessários ao seu adequado funcionamento.

Quer isto dizer que é a DGS que define o funcionamento do sistema, a geração, comunicação, armazenamento e processamento de dados, bem como a articulação entre todos os intervenientes no sistema.

No caso da intervenção do médico, sabe-se que os profissionais de saúde obtêm e comunicam ao utilizador da app, caso seja um caso confirmado de COVID-19, o código de legitimação pseudoaleatório previsto no sistema STAYAWAY COVID, para efeitos de inserção na referida aplicação.

Para a obtenção do código de legitimação é necessária a inserção, por parte do médico, da data dos primeiros sintomas ou, no caso de o doente ser assintomático, da data da realização do teste laboratorial, não sendo inseridos quaisquer dados identificáveis do doente.

- Publicidade -

Sigam-nos

12,931FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

A nova web app da NIVEA diz-vos tudo o que precisam de saber sobre a vossa pele

A app NIVEA SKin GUiDE promete ajudar a encontrar a rotina de cuidado da pele ideal.

Croqueteria lança app oficial para que possam receber os melhores croquetes em casa

O melhor de tudo? É que, como vêm congelados, podem desfrutar deles quando e onde quiserem.

Já podem pedir as panquecas e waffles da Choco & Nut com a WebApp oficial

Atenção que não é uma app para smartphones, mas antes uma WebApp.

App Mundo Galp substitui a app Galp Evodriver

O que significa que esta última vai ser descontinuada em breve.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Vida de Robbie Williams vai ser retratada numa biopic

O filme biográfico, cujo título é Better Man, deverá abordar não só o sucesso, mas também os períodos mais difíceis, relacionados com a dependência de substâncias.

Desvendado o mistério do novo Magnum surpresa

Esteve disponível por uns dias exclusivamente na Uber Eats. Agora, já sabemos qual é.

Aqui está o primeiro olhar a LUCA, próximo filme de animação da Disney Pixar

Uma aventura na riviera italiana que deve estrear ainda este ano.