Send&Store quer ser a alternativa portuguesa à Glovo

O objetivo é mesmo entregar um pouco de tudo um pouco num raio de 30km.

Send&Store
- Publicidade -

A Uber Eats tem pretensões de se tornar numa espécie de Glovo ao longo de 2021, entregando um pouco de tudo. Porém, e antes disso acontecer, é altura de dar destaque a uma nova solução portuguesa que quer concorrer com estas aplicações mais utilizadas.

Chama-se Send&Store e pode ser a futura alternativa made in PT à Glovo, tendo o objetivo de ajudar o comércio local.

Não existe no site oficial uma secção de FAQ (Frequently Asked Questions), mas, tendo em conta a morada da empresa, conseguimos perceber que esta é uma ideia saída do Vodafone Power Labs, um programa que tem o intuito de fomentar a inovação e empreendedorismo em Portugal.

Essencialmente, o serviço Send&Store consiste na oferta de um mercado de plataforma tecnológica no qual determinadas lojas locais em vários territórios podem oferecer ou incluir os seus produtos e/ou serviços por meio de uma aplicação móvel ou website.

O objetivo é, portanto, que a Send&Store nos facilite a vida, reunindo num só lugar todos os estabelecimentos onde costumamos fazer compras.

São muitas as categorias existentes, como Padaria, Peixaria, Talho, Pastelaria, Congelados, Refeições, Higiene, Casa, Animais Domésticos, Beleza, Roupa, entre muitas outras. É quase como se fosse um marketplace orientado para o comércio local.

A utilização é simples. Basta que registem nova conta, seja no site ou app, e permitam o acesso à vossa localização, sendo que também podem definir a vossa morada manualmente.

Segundo o que conseguimos apurar, o serviço funciona em algumas cidades da Área Metropolitana de Lisboa, casos de Lisboa, naturalmente, mas também no Montijo, Cascais e Amadora. O objetivo é, claro, ir expandindo cada vez mais.

Como não é um serviço exclusivamente assente na entrega de refeições, tal permite que o raio de atuação possa ser alargado relativamente aos outros serviços. Neste caso, a Send&Store pode fazer entregas em qualquer lugar num raio de até 30km do estabelecimento.

Como é óbvio, quanto maior a distância, mais cara fica a taxa de entrega. Por exemplo, fizemos uma simulação de um restaurante na Quinta do Conde, e cuja entrega é possível em Setúbal, e o custo da entrega ao domicílio é de 14,50€. Contudo, o preço de entrega também pode ser de 1,90€, caso o estabelecimento se encontre muito perto da vossa morada. Lá está, tudo depende da distância.

Tal como acontece nas outras aplicações, aqui é também possível pedir para deixarem o pedido à porta, algo não aplicável quando definirem pagamento no ato de entrega.

A Send&Store parece ser fácil de utilizar, mas ainda existem coisas por esclarecer e sobre as quais não encontrámos detalhes.

Por exemplo, cada compra dá direito a alguns pontos que, posteriormente, deverão acumular até terem 500 pontos, mínimo para que possam converter esses pontos em dinheiro e, dessa forma, abater no custo do pedido. Mas não se sabe quanto vale cada ponto.

Além disso, o serviço está ainda muito focado na entrega de refeições e de produtos de mercearia, pelo que vai demorar bastante até conseguir tornar-se uma alternativa credível à Glovo.

Entretanto, e caso experimentem este novo serviço, digam-nos o que acharam.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Glovo adquire o Mercadão

Esta aquisição vai fortalecer a oferta da Glovo, com um foco maior em compras semanais e planeadas.

Glovo chega a Torres Novas e ao Entroncamento

Há uma nova opção de entrega de refeições (e não só) ao domicílio nas cidades.

Glovo chega a Ovar

Para já só com restaurantes, mas em breve juntam-se lojas locais e supermercados.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

60.000 jovens vão poder fazer um Interrail gratuito já em 2022

Poderão viajar por um período máximo de 30 dias.

Chegou o trailer oficial da 3ª temporada de You

E muita coisa vai acontecer nos novos episódios. Depois das primeiras imagens e da data de estreia da terceira temporada,...

10.ª edição do Open House Lisboa leva-nos a descobrir “Os Caminhos da Água” com várias visitas gratuitas na capital e em Almada

25 e 26 de setembro são as datas do regresso do incontornável fim de semana de visitas gratuitas que desafia a percorrer e a desvendar a cidade através da arquitectura.