Samsung quer incorporar material reciclado em todos os novos produtos mobile até 2025

A iniciativa Galaxy For The Planet reflete o compromisso da Samsung em agir de forma mais sustentável nos ciclos de vida dos seus produtos mobile e nas suas operações comerciais.

- Publicidade -

A Samsung começou a semana da melhor forma. A marca sul-coreana revelou hoje a Galaxy For The Planet, a plataforma de sustentabilidade para a sua área Mobile com o intuito de criar ações climáticas tangíveis em todo o seu negócio. A Samsung estabeleceu um conjunto inicial de objetivos a atingir até 2025 para reduzir a sua pegada ambiental e diminuir a utilização de recursos, desde a produção até à eliminação dos seus produtos Galaxy.

Um menor impacto ambiental até 2025

A Samsung acredita que a integração de práticas sustentáveis em cada fase de produção é crucial para minimizar o impacto ambiental e construir um futuro melhor para as comunidades de todo o mundo. A marca trabalhará para atingir os seus objetivos iniciais até 2025 e procurará, depois, continuar a amplificar os seus compromissos de forma a enfrentar os novos desafios que surjam.

Incorporar material reciclado em todos os novos produtos mobile até 2025

Para promover uma economia mais circular, a Samsung está a investir em materiais novos, inovadores e eco-conscientes para os seus produtos. Com o objetivo de utilizar material reciclado em todos os novos produtos mobile até 2025, a tecnológica irá utilizar vários materiais reciclados nos seus produtos, tendo em consideração a sua força, estética e durabilidade.

Eliminar todos os plásticos de uso único nas embalagens de produtos mobile até 2025

A Samsung está a trabalhar para eliminar totalmente os plásticos de uso único das embalagens de produtos até 2025, reduzindo, removendo e substituindo recursos e materiais desnecessários tradicionalmente utilizados em embalagens de dispositivos e incorporando soluções eco-conscientes.

Reduzir o consumo de energia em modo standby de todos os carregadores de smartphones para menos de 0,005W até 2025

A Samsung está a dar prioridade à tecnologia de poupança de energia que aumenta a eficiência energética e reduz o consumo de energia. A marca reduziu com sucesso o consumo de energia em standby em todos os carregadores Galaxy de smartphones para 0,02W, um valor que se encontra entre os mais eficientes na indústria móvel. Para tirar partido deste progresso, a Samsung irá trabalhar para alcançar zero consumo de energia em modo standby dos carregadores Galaxy de smartphones, visando uma redução para menos de 0,005W até 2025.

Atingir zero resíduos para aterro até 2025

A Samsung está a minimizar os resíduos que são gerados nos locais de trabalho da área de mobile, com o compromisso de tentar desviar todos os resíduos dos aterros sanitários até 2025. A empresa também trabalhar para reduzir o e-waste à escala global, otimizando o ciclo de vida do produto, melhorando os processos de conceção dos mesmos e, também, através de iniciativas como Galaxy Upcycling, Certified Re-Newed e os programas Trade-In.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

O apoio ao cliente da Samsung passou a estar adaptado a surdos

Os consumidores com deficiência auditiva contam a partir de agora com um serviço inovador de apoio ao cliente em língua gestual portuguesa.

Alugar os novos dobráveis da Samsung? Sim, já é possível

E atenção à iniciativa Buy & Try, que vos ajudará a decidir se querem ficar ou não com os novos dobráveis.

Samsung expande a sua linha de monitores Odyssey Gaming

Em 2021 há mais opções da Samsung para os jogadores que procuram um bom monitor.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Exames de acesso ao ensino superior poderão ser usados durante quatro anos

E os alunos podem escolher a melhor qualificação se optarem por repetir as provas.

Gleylancer – Da Mega Drive, com Amor

O título da Masaya Games chega finalmente ao ocidente, 29 anos depois da sua estreia.

O novo hambúrguer da Burger Wheels é de comer e chorar por mais

Não só já provámos, como até repetimos.