Rock in Rio Lisboa 2020 vai ter um espaço gigante para miúdos e uma montanha russa

- Publicidade -

“Hoje vamos falar de magia”. Foi assim que Roberta Medina, vice-presidente do Rock in Rio, deu início ao evento de apresentação do Rock in Rio Lisboa 2020, que decorreu num espaço do Parque da Bela Vista, em Lisboa.

Para já, não houve novidades no cartaz, além dos já habituais Xutos & Pontapés e Ivete Sangalo. Este evento não tinha esse propósito. O objetivo era, sim, dar a conhecer a “nova Cidade do Rock”. E existem várias novidades.

Começar por dizer que, ao todo, existem 14 atrações. Portanto, além do Palco Mundo, Galp Music Valley, Super Bock Digital Stage, Yorn Street Dance, Espaço Gourmet (anteriormente Time Out Market), Game District, Rock Street (em 2020 é dedicada à Ásia), 7Up Slide, Somersby Pool Parties e Área VIP, juntam-se o Rock in Rio Kids, ECS Online Sports Bar e Rooftop & Tables. Mais que um festival de música, o Rock in Rio é entretenimento.

Falemos do ECS Online Sports Bar. Este é um novo espaço que surge devido ao facto de o Rock in Rio calhar em altura de EURO 2020, pelo que o festival aproveitou para criar um local dedicado aos desportos.

Assim, será possível não só ver os jogos do Campeonato Europeu que se realizem nos dias de festival, mas também de outras modalidades. Existirão ainda, naquele espaço, competições de claques, sorteios, quizzes, entre outras coisas.

Já o Rock in Rio Kids acaba por ser um mini Rock in Rio… dentro do Rock in Rio. É um espaço desenhado a pensar nas crianças dos 3 aos 8 anos, indo recriar, mas em tamanho adequado às crianças, atrações como o Palco Mundo, o slide, o pórtico ou a Rock Street.

Além disso, os pais poderão deixar as crianças a brincar livremente no espaço, uma vez que o mesmo estará a ser monitorizado.

Já o Game District fez a sua estreia em Portugal no Rock in Rio Lisboa 2018 e foi um sucesso. Assim, este será um quarteirão totalmente dedicado ao mundo dos videojogos. Haverá na mesma uma arena Worten Game Ring e, imagine-se, uma montanha-russa com realidade virtual.

Roberta Medina também revelou que a roda gigante vai regressar ainda mais especial, mas não revelou mais detalhes.

E para aqueles que procuram outro tipo de experiência no Rock in Rio, poderão no próximo ano contar com dois tipos de zona premium com serviço personalizado, transporte exclusivo até ao evento e localização privilegiada para o recinto e Palco Mundo.

Novamente em relação à música do Rock in Rio Lisboa 2020, temos somente o Palco Mundo e Galp Music Valley. Apesar de ainda não existirem confirmações além dos óbvios, espera-se que, até ao Natal, sejam anunciados dois cabeças de cartaz.

Quanto aos bilhetes, realçar que estão à venda com desconto de 20% em cartão nas lojas Continente. Ou seja, adquirindo um voucher Rock in Rio por 69€, ganham depois 13,80€ em Cartão Continente. Mas atenção que esta promoção somente é válida até 31 de dezembro.

Está também à venda o Pack Experiências Rock in Rio powered by FNAC, que dá acesso a uma série de coisas, bem como a um passatempo onde será possível ganhar uma das 500 experiências exclusivas. Este pack custa também 69€ e está disponível apenas na FNAC, tanto nas lojas como no site oficial (online é mais caro).

Resta entretanto saber se a BP se vai voltar a aliar ao festival. Recorde-se que, na edição de 2018, era possível adquirir um bilhete diário por 43€ + 1350 pontos BP.

O Rock in Rio Lisboa 2020 acontece a 20, 21, 27 e 28 de junho no Parque da Bela Vista.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome