“Rambo 5” pode acontecer com Sylvester Stallone no leme

- Publicidade -

A guerra parece não ter terminado para John Rambo nem para Sylvester Stallone. Ao que parece, o veterano ator poderá estar de regresso para encarnar a icónica personagem dos filmes de ação dos anos 80 e, também, possivelmente no lugar de realizador, como aconteceu no último filme em 2008.

Para já não passa apenas de um grande rumor, mas, segundo o site Deadline, já andam a circular alguns detalhes mais concretos sobre este projeto, nomeadamente na trama deste quinto episódio.

Das selvas do Vietname passamos para a fronteira mexicana e norte-americana, onde a filha de um dos amigos de Rambo é raptada. Numa situação tão desesperada, o nosso herói vai ter que se ver envolver com alguns mais violentos cartéis de droga do méxico.

Para além deste possível quinto episódio, Stallone está também a trabalhar no argumento do próximo Expandables, com o produtor Avi Lerner, e na sequela de Creed, que continua com o legado de outro ícone, Rocky.


 

- Publicidade -
- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Concerto dos Coldplay em Buenos Aires vai ser exibido nos cinemas portugueses

E vão poder ver nos Cinemas NOS e UCI Cinemas.

D23 Expo – De jogos a filmes e séries, as maiores novidades reveladas pela Disney

Os fãs de Disney, Pixar, Star Wars, Marvel e mais vão ter muito para se entreter durante os próximos tempos.

Crítica – Pinocchio

Pinocchio tem um final tematicamente mais impactante comparativamente ao original, mas falha em entregar uma nova versão do famoso conto de infância com a mesma magia e fascínio do passado.

Crítica – Samaritan

Samaritan possui uma premissa bastante interessante, mas, infelizmente, é mais uma adição à lista de filmes com potencial desperdiçado.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Vila Galé em Tomar deverá estar pronto até novembro de 2023

E será uma unidade hoteleira de cinco estrelas.

Arcade Fire no Campo Pequeno – A música vence sempre?

A banda canadiana recordou-nos que é obreira de alguma da melhor música das últimas duas décadas. O resto? Pois, o resto logo se verá.