Queixas no setor da Saúde aumentam 71% em relação ao ano passado

É o que diz um estudo analítico do Portal da Queixa.

setor saúde
- Publicidade -

Numa altura em que o país regressou ao Estado de Emergência, o Portal da Queixa revela vários detalhes sobre as reclamações dos portugueses dirigidas ao setor da Saúde, desde o início do ano, até ao dia 9 de novembro.

À maior rede social de consumidores de Portugal chegaram mais de 6.000 reclamações (6103), um aumento de 71%, face ao mesmo período em 2019 (3573). O setor privado regista 64.9% do total de reclamações (3962), e o setor público regista 35.1% (2141). Relacionadas com a COVID-19 estão 21% do total de queixas apresentadas pelos utentes (1305).

De acordo com o estudo desenvolvido pela equipa do Portal da Queixa, este ano, a liderar o maior volume de reclamações recebidas estão: os Planos e Seguros de Saúde (1261), as Farmácias (932), os Hospitais e Maternidades (930) e os Grupos de Saúde Privados (824), com destaque para as farmácias que, comparativamente com o período homólogo, registaram o maior crescimento do número de queixas, uma subida de 231%.

Entre os principais motivos de reclamação dos consumidores – dirigidos às diferentes entidades de saúde -, estão a dificuldade de marcação de consulta apontada aos Centros de Saúde (56% do total de queixas dirigidas a estes organismos) e nos Hospitais Públicos, o mau atendimento é o motivo reportado em 21% das reclamações.

Nos Hospitais e Clínicas Privadas, os portugueses apresentaram queixas sobre faturação errada (43%), sobre cobrança de taxas para kits de proteção (23%) e mau atendimento (12%).

Nos Laboratórios de Análises Clínicas, os problemas gerados com o rastreio à Covid-19 geraram 27% das reclamações.

No início da pandemia, as farmácias foram um forte alvo de reclamação junto do Portal da Queixa. Os problemas relacionados com a venda de máscaras geraram 58% das queixas registadas e os preços praticados no álcool gel desinfetante originaram 37% das reclamações.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Lisboa é líder isolada na lista de autarquias com o maior número de queixas dos munícipes

Já São João da Madeira, Vale de Cambra, Arouca e Trofa mal registam queixas.

Queixas relacionadas com serviços de entrega de refeições ao domicílio disparam 190%

O que é perfeitamente normal, tendo em conta o elevado volume de encomendas registadas nas plataformas de delivery.

Queixas contra a banca subiram 44% em relação ao ano passado

É o que diz uma análise do Portal da Queixa.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Há uma nova t-shirt no mercado que atenua os efeitos da menopausa

A ideia é de Filipa Fernandes, ex-aluna da UMinho.

Saibam como criar uma rede doméstica robusta e segura

Damo-vos os melhores conselhos para que consigam criar uma rede doméstica fiável, segura e com um desempenho sem precedentes.