Passa a ser possível aceder a eventos de grande dimensão com autotestes

- Publicidade -

Já os recuperados de Covid ou vacinados com dose de reforço nem precisam de fazer nada.

Na semana passada, quando António Costa falou ao país para dar conta das mais recentes medidas de combate à pandemia, ficámos a saber que, para aceder a grandes eventos, passava a ser necessário teste negativo obrigatório à COVID-19 para quem não tivesse levado dose de reforço há mais de 14 dias.

Ora, este domingo, dia 9 de janeiro, a DGS atualizou a orientação 014/2021, relativa a eventos de grande dimensão (desportivos, culturais, corporativos e outros), para explicar com mais detalhe este requisito.

Para já, não será preciso um teste de farmácia, pois serão permitidos os autotestes (realizados no momento, à porta do local) para acesso a eventos de grande dimensão. Por eventos de grande dimensão consideram-se “aqueles que reúnam ou possam reunir a partir de cinco mil pessoas em local aberto ou de mil pessoas em local fechado”.

Mas há exceções. Estão dispensados de apresentação de teste aqueles que apresentarem certificado de recuperação à COVID, bem como as pessoas que tenham sido vacinadas há pelo menos 14 dias com uma dose de reforço. Menores de 12 anos também estão dispensados de apresentação de teste negativo.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes