fbpx

Portagens do interior, da A28 e da Via do Infante com descontos que podem chegar aos 40%

São sete as autoestradas portugueses que, a partir de julho, vão ter portagens mais baratas. A medida foi anunciada pela ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, que refere que, em alguns casos, as poupanças podem chegar aos 1200€ por ano.

Estas são as autoestradas que passam a ter desconto: A4 Túnel do Marão (Porto-Vila Real), A24 Interior Norte (Viseu-Chaves e Viseu-Vila Real), A28 Norte Litoral (Porto-Viana), A25 Beira Litoral e Beira Alta (Aveiro-Viseu), A23 Beira Interior (Castelo Branco-Covilhã), A13/A13-1 Subconcessão Pinhal Interior (Coimbra-Torres Novas) e A22 Algarve (Lagos-Vila Real de Santo António).

Mas como vão funcionar este descontos nas portagens?

Para já, os descontos somente se aplicam aos veículos de classes 1 e 2. Depois tudo depende da regularidade com que se passa nas portagens. Por exemplo, nos primeiros sete dias as portagens são pagas normalmente. Já entre o oitavo e o 15º dia as passagens beneficiam de um desconto de 20%. Finalmente a partir do 16º dia e até ao final do mês de calendário, as passagens sofrem uma redução de 40% no preço.

Na prática, quem utilizar autoestradas 22 dias por mês tem um desconto médio de 20%; já quem circular 30 dias por mês tem um desconto médio de 25%. Essencialmente, usufruem dos descontos aqueles que passam várias vezes pelas portagens anteriormente ditas.

Segundo as contas do Governo, quem dizer, por exemplo, o percurso entre Bragança e Vila Real, poderá poupar quase 50€ por mês.

Além disto, o Governo promete apoiar empresários que criem emprego de qualidade no anterior.

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,779FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
629SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

- Publicidade -

Mais Recentes

King C. Gillette. Nova marca apresenta-se como a “mais completa de produtos para homens com pelo facial”

A nova marca da P&G inclui 11 produtos essenciais para aparar, barbear e cuidar do pelo facial.

A Amazon lançou um novo Fire Stick e atualizou um dos já existentes

Mas há um problema: a Amazon não está a enviá-los para Portugal.