A PlayStation Productions promete mais e melhores adaptações de videojogos

por Echo Boomer

A Sony revelou uma nova produtora de filmes e séries, a PlayStation Productions, com o intuito de levar os mundos dos videojogos a novos públicos.

Liderado por Asad Qizilbach, a PlayStation Productions vai contar com o supervisionamento de Shawn Layden, presidente da SIE Worldwide Studios, e vai explorar um catálogo com centenas de jogos e de histórias para os transformar em filmes, séries e complementos a alguns dos IPs mais importantes da PlayStation.

Segundo o The Hollywood Reporter, que avança com a novidade, a nova produção já tem a primeira lista de projetos preparada para produzir nos estúdios da Sony Pictures em Culver City, Califórnia, Estados Unidos.

Segundo Layden, a Sony já conta com “25 anos de experiência em desenvolvimento de videojogos que criou 25 anos de grandes jogos, séries e histórias”. Layden continua em entrevista ao portal, dizendo que “sentimos que agora é uma boa altura para olhar para outros meios, através do streaming, dos filmes ou televisão, e dar uma nova vida aos nossos mundos”.



O catálogo de jogos exclusivos da Sony é composto um pouco por todos os géneros – desde o ação à aventura, ao horror e fantasia, passando pelo sci-fi e corridas. Umas histórias mais simples, outras mais complexas, mas todas com personagens e mundos já reconhecidos pelo público e outros que podem ganhar popularidade ao pé de uma nova audiência.

A Sony não é a primeira a seguir estas apostas mais cinematográficas. Gigantes como a Ubisoft e Activision Blizzard também abriram os seus departamentos para filmes e televisão, mas, até agora, todos esses recursos foram adaptados a materiais multimédia de promoção dos seus próprios jogos.

No início desta geração, a Microsoft tentou também apostar num mercado transmedia, mas com pouco sucesso e com projetos cancelados ou atrasados, como a série Halo, atualmente em produção.

A PlayStation Productions quer seguir as pisadas da Marvel

Segundo Qizilbach, a PlayStation Productions procura trazer para cima da mesa experiências cinematográficas de alto calibre. Durante os últimos dois anos, a equipa tem falado com argumentistas, realizadores e produtores, entre eles Lorenzo di Bonaventura (Paramount) e Kevin Feige (Marvel Studios), para perceberem como é que funciona esta indústria.

“Temos olhado para o que a Marvel tem feito para o mundo das bandas desenhadas, tornando-as a maior coisa do mundo. Parece muito ambicioso dizer que vamos seguir os mesmos passos, mas estamos certamente a tirar alguma inspiração disso”, comenta Layden.



Nas últimas duas décadas, os videojogos têm servido timidamente de inspiração para filmes e séries de televisão, mas, comparativamente a adaptações de livros e bandas desenhada, poucos foram os projetos de sucesso crítico.

A comparação de Layden com as produções da Marvel podem ser mesmo um bom início, uma vez que foi de lá que surgiram algumas das histórias mais influentes dos últimos anos no cinema, com adaptações de todo o tipo de bandas-desenhadas a serem anunciadas quase todas as semanas.

Fica agora nas mãos da PlayStation Productions a ambição de querer quebrar o molde com adaptações que possam ser levadas um pouco mais a sério.

Também pode interessar

Deixar uma resposta

O Echo Boomer utiliza cookies para dar a melhor experiência possível aos nossos leitores. Aceitar Ler mais

%d bloggers like this: