“Pedro e Inês” é o filme português mais visto de 2018

Já se sabia que este filme estava a ter bastante sucesso, mas agora é mesmo oficial: Pedro e Inês é o filme português mais visto de 2018, com mais de 45,5 mil espectadores nas salas de cinema.

- Publicidade -

Esta longa-metragem, realizada por António Ferreira, numa adaptação do romance A Trança de Inês, de Rosa Lobato de Faria, tem, desde já, estreia assegurada no Brasil e França, países coprodutores.

Pedro e Inês é protagonizado pelos atores Diogo Amaral e Joana de Verona e é inspirado na lenda de Pedro e Inês, narrando esta inigualável história de paixão ao longo de três épocas.

O filme foi rodado no verão de 2017 em quatro concelhos do distrito de Coimbra e conta ainda com as participações de Vera Kolodzig, Cristóvão Campos, Custódia Gallego, Miguel Borges, João Lagarto e Miguel Monteiro.

Pedro e Inês estreou nos cinemas nacionais a 18 de outubro.


 

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Crítica – Ghostbusters: Afterlife

Este é um filme divertido, uma aventura para miúdos e graúdos e um retorno à velha forma dos Caça-Fantasmas.

Disney adia os novos filmes de Dr. Strange, Thor, Black Panther e mais

As estreias dos futuros filmes da Marvel para 2022 foram quase todas alteradas.

Crítica – Dune: Parte Um

Se vieram aqui à procura de puro espetáculo, podem ficar desapontados. Mas, se vieram à procura de uma visão original de um dos universos de ficção científica mais amados de sempre, este é o filme certo.

Quinto filme de Scream ganha primeiro trailer

E traz de volta caras conhecidas.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Festival Authentica reconfirma De La Soul e Nothing But Thieves para 2022

O Authentica receberá cerca de 30 artistas internacionais e nacionais.

Centro Expositivo do Promontório de Sagres deve abrir no início de 2022

A empreitada, que ascende a cerca de 1,5 milhões de euros, está na fase da construção da cenografia.

Uber Pet. Novo serviço permite que os utilizadores viajem na companhia dos seus animais de estimação

Numa primeira fase, esta novidade está somente disponível em Lisboa, Porto e na região do Algarve.