Novo passe da área de Lisboa vai custar no máximo 40 euros

E já a partir de abril do próximo ano. Quem vive fora de Lisboa, mas trabalha na capital, sabe bem o quanto custa na carteira ter de efetuar deslocações todos os dias até chegar ao trabalho. Seja por veículo próprio ou transportes públicos, a verdade é que fica dispendioso.

- Publicidade -

Por exemplo, ir de Setúbal a Lisboa e usar o passe combinado que dá direito ao comboio da Fertagus, o Metro e a Carris tem um custo mensal de 158,75€. Já para quem tem menos de 23 anos esse mesmo passe fica a 63,50€, o que é uma boa redução, mas que, só por si, não chega.

Mas tudo isso vai mudar a partir de 1 de abril do próximo ano com a criação do passe único. Neste caso, o custo máximo por passe será de 40€, o que, para o caso que exemplificámos, resulta numa poupança de 118,75€ por mês. Para este exemplo, significa uma poupança de 1425€ em um ano, isto se o mesmo passe for renovado todos os meses.

Mas não são apenas os habitantes da margem sul que vão poder usufruir deste passe. Na verdade, o novo passe único da Área Metropolitana de Lisboa (AML) contemplará os 18 concelhos: Alcochete, Almada, Amadora, Barreiro, Cascais, Lisboa, Loures, Mafra, Moita, Montijo, Odivelas, Oeiras, Palmela, Seixal, Sesimbra, Setúbal, Sintra e Vila Franca de Xira.

Ou seja, este novo passe representará, para milhares de passageiros, poupanças superiores a 100€ por mês.

O passe único também vem simplificar o sistemas de títulos de transporte da AML, que conta atualmente com cerca de 2 mil combinações possíveis. Além de complexo, é um sistema obsoleto que já necessitava de uma reformulação.

Segundo Fernando Medina, presidente da AML, o objetivo é fazer com que entrem menos carros em Lisboa, promovendo o uso dos diversos transportes públicos à disposição dos portugueses.

Em todo o caso, ficaram por revelar os pormenores de como irá funcionar este passe único. Sabem-se também, que as crianças até aos 12 anos não pagam transporte e, por família, o pagamento total máximo é de 80€( dois passes).


 

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Há um novo cartão para a utilização dos transportes da Área Metropolitana de Lisboa

O navegante vem substituir o anterior cartão Lisboa Viva.

Deixa de estar proibida a circulação de e para a Área Metropolitana de Lisboa ao fim de semana

Algo que se justifica tendo em conta que, agora, é necessário apresentar um teste negativo ou certificado digital para entrar numa série de locais.

Eis as exceções na proibição de circulação de e para a Área Metropolitana de Lisboa

A resolução do Conselho de Ministros remete para o artigo 11.º do decreto de 21 de novembro do ano passado.

Está proibida a circulação de e para a Área Metropolitana de Lisboa ao fim de semana

A medida entra em vigor já esta sexta-feira, às 15h.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Cientistas da Universidade de Coimbra revelam como a doença de Parkinson pode ter origem no intestino

Conclusões de um estudo que decorreu durante os últimos cinco anos.

Festival Authentica reconfirma De La Soul e Nothing But Thieves para 2022

O Authentica receberá cerca de 30 artistas internacionais e nacionais.

Centro Expositivo do Promontório de Sagres deve abrir no início de 2022

A empreitada, que ascende a cerca de 1,5 milhões de euros, está na fase da construção da cenografia.