Afinal, quais são os melhores tarifários para os mais jovens?

Uma coisa é certa: os preços têm vindo a aumentar.

melhores tarifários
- Publicidade -

Em 2017, quando a DECO Proteste publicou este estudo pela primeira vez, bastavam 10€ para se ter acesso a um tarifário satisfatório para a maioria dos jovens. Três anos depois (consideremos este novo estudo ainda de 2020, uma vez que o novo ano só agora começou), os preços aumentaram. E muito.

Neste momento, para se arranjar algo em condições, é necessário gastar um mínimo de 11,80€. Se desejarem pagar menos que isso, têm sempre as propostas da NOWO ou, então, tarifários para crianças, sendo que o seu uso é mais restritivo, casos do MEO Kids e NOS Kids.

Para este novo estudo, a DECO Proteste considerou dois perfis de utilizador – um com menos e outro com mais de 25 anos – sendo que a utilização dos consumos é comum, nomeadamente com recurso a apps de conversação e redes sociais, mas também aplicações de streaming e vídeo.

Segundo aquela empresa, o tarifário WTF 1GB é a melhor opção para jovens com menos de 25… isto se for pago ao mês e não à semana. Como costuma acontecer neste tipo de exemplos, é sempre mais vantajoso pagar algo mensalmente ao invés de semanalmente.

Apesar de somente contar com 1GB para uso geral, este tarifário garante tráfego grátis para apps de comunicação e de streaming de música, não referindo qualquer Política de Utilização Responsável. Há, contudo, um limite de utilização de 5GB para as apps de vídeo (por exemplo, YouTube, Netflix, HBO ou Vimeo). Mas atenção: é necessário não exceder o limite de tráfego global de 1GB, pois se for o caso, esse limite de 5GB deixa de funcionar.

Para estes jovens, há também que considerar o Yorn X 1GB, que oferece as mesmas condições. Embora este tráfego já defina um limite de 15GB para apps sociais e de streaming de música, oferece três mensalidades para o serviço de streaming de música TIDAL e seis meses de acesso à Amazon Prime Video, coisa que a WTF não oferece.

Já para jovens com mais de 25 anos, a DECO Proteste considera que os melhores são os NOWO pós-pagos com fidelização de 24 meses (sem apps incluídas), estando disponíveis a partir de 10€/mês para um plafond de 2GB.

Podem ainda optar por tarifários sem fidelização, como o Lycamobile Lyca Nacional M 5GB – com um limite de dados de 5GB (a partir de 15 euros) –, Vodafone You ou NOS Like, sendo que estes últimos, além de serem bastante mais caros, não incluem tráfego para apps de vídeo/streaming. O preço? 19,95€/mês.

Resumindo: escolher os melhores tarifários vai sempre depender das necessidades específicas de cada um.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Grupo Accor abre novo hotel Mercure em Fátima

Situado a cinco minutos a pé do Santuário de Fátima.

Razer vai de mala cheia à E3 com o ultra-portátil mais avançado de sempre

E com um novo monitor e uma máscara de proteção avançada.