Hanging Out. A nova categoria do Facebook Gaming quer unir (ainda mais) público e criadores de conteúdos

- Publicidade -

Mas atenção que nem tudo é possível nesta categoria.

Hanging Out

O Facebook Gaming lançou na semana passada o Hanging Out, uma nova categoria de transmissão com foco na conversação ao invés da experiência de jogo.

O Hanging Out serve precisamente para proporcionar aos criadores de conteúdos do Facebook Gaming mais uma forma de unir o seu público apaixonados por jogos. O Hanging Out pode ser encarado como uma secção IRL (in real life stream), onde o foco continuam a ser os jogos, mas os respetivos conteúdos exploram uma ampla variedade de formatos que vão além da experiência de jogo, desde arte a podcasts.

Eis alguns exemplos do que podes esperar da identificação Hanging Out:

  • Conversar, sendo o foco a interação com o público sobre um determinado assunto
  • Arte, como pintar, desenhar ou esculpir, cozinhar, criar jogos e muito mais
  • Podcasts e talk shows
  • Viagens e descoberta

Embora possa parecer que tudo é possível nesta categoria, é necessário estabelecer um limite. Por isso, se estão a pensar filmar-se a vós próprios a dormir ou criar um canal sobre compras, temos más notícias: tal não será possível.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

- Publicidade -

Relacionados

O Facebook vai fazer frente ao Twitch com uma nova app de streaming

A nova aplicação já está disponível para dispositivos android.

Facebook aposta nos videojogos com um novo feed dedicado

Chama-se Facebook Gaming e é um novo local para juntar todos os fãs de videojogos. A rede social anunciou que...
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Burlões viram-se para a Vinted para roubar dinheiro

O Portal da Queixa identificou um aumento no número de que envolvem burlas online.

Governo criar criar mais 10 mil lugares de creche em todo o país nos próximos anos

O Estado deixa de apoiar exclusivamente as famílias de mais baixos rendimentos (1.º e 2.º escalões) e passa a abranger todas as crianças independentemente do rendimento das famílias.