IRS. Não é necessário declarar a conta Revolut

Ao preencherem a declaração de Rendimentos referente a 2019, não têm de declarar o IBAN da conta Revolut.

Revolut
- Publicidade -

Quem o diz é a própria Revolut, referindo que continua a receber muitas questões de portugueses, inseguros sobre se é necessário ou não declarar a titularidade sobre contas Revolut.

E não, não é mesmo necessário declarar a conta Revolut do IRS. Segundo esclareceu a Autoridade Tributária e Aduaneira, não tendo a Revolut operado enquanto instituição de crédito/banco em 2019, as respetivas contas são consideradas contas de pagamento e, como tal, os contribuintes detentores das mesmas não estarão obrigados a declará-las no Anexo J da Declaração Modelo 3 do IRS.

Ou seja, ao preencherem a declaração de Rendimentos referente a 2019, não têm de declarar o IBAN da conta Revolut.

Mas atenção. Caso tenham investido na plataforma de trading da empresa e recebido mais-valias da venda de títulos ou dividendos, então aí devem comunicar esses dados na declaração de rendimentos.

É que estes lucros poderão estar sujeitos a tributação de acordo com as regras de impostos nacionais, sendo da responsabilidade de cada cliente compreender a forma como tem de os declarar e efetuar o respetivo pagamento de impostos.

O suporte da conhecida fintech não presta esclarecimentos relativamente a questões fiscais.

Recorde-se que a entrega do IRS em 2020, referente aos rendimentos de 2019, é feita até 30 de junho de 2020, independentemente da categoria de rendimentos do contribuinte.

- Publicidade -

Parceiros

Relacionados

Há 11 novos tokens de criptomoedas disponíveis na Revolut

Agora, a oferta é de 21 tokens para todos os utilizadores.

Revolut: Clientes não estão obrigados a declarar as contas no IRS 2021

Contudo, se fizeram investimentos e receberam mais-valias ou dividendos, deverão comunicá-los na declaração de rendimentos.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Nova versão do Yorn Shake It permite oferecer prémios aos amigos

A nova coleção Yorn Shake It irá decorrer até 31 de outubro de 2021, a não ser que seja estendida após o prazo.

Confirma-se: Apple Music vai ganhar formato Lossless Audio sem custos adicionais

A nova opção fica disponível para os subscritores do serviço já no próximo mês de junho.