MEO Marés Vivas adiado para 2022

Mais um grande festival português que passa para o próximo ano.

- Publicidade -

A pouco e pouco, as promotoras dos grandes festivais agendados para este ano percebem que ainda não existem condições para reunir milhares de pessoas no mesmo espaço. Apesar de Portugal estar numa posição mais confortável relativamente a outros países no que toca à pandemia, continuam a existir várias restrições que impossibilitam a realização de grandes eventos.

Hoje, 25 de maio, foi a vez de o MEO Marés Vivas comunicar o adiamento da edição deste ano. Assim, a realização da 14ª edição do festival passa para 2022, realizando-se entre 15 a 17 de julho desse ano.

No que toca aos bilhetes, aplicam-se exatamente as mesmas regras do NOS Alive, que também adiou a edição deste ano:

  • Os bilhetes já adquiridos para as datas de 2020 e 2021 mantêm-se válidos para as novas datas, sem necessidade de troca;
  • Quem comprou e é portador do bilhete MEO Marés Vivas 2020, caso pretenda, pode solicitar o reembolso do preço facial no ponto de venda onde o mesmo foi emitido, nos 14 dias úteis após a data prevista para a realização do MEO Marés Vivas 2021, mediante a apresentação do bilhete e prova de compra;
  • Os portadores de bilhete MEO Marés Viva 2021 não têm possibilidade de reembolso;
  • Na falta de pedido de reembolso, dentro dos prazos estipulados por lei, considera-se que o portador do bilhete aceita o reagendamento, sem direito ao reembolso do respetivo valor.

Ou seja, se tiverem bilhetes que digam MEO Marés Vivas 2020, poderão solicitar o reembolso se assim o desejarem. Porém, se já tiverem adquirido bilhetes que digam MEO Marés Vivas 2021, não têm hipótese de reaver o dinheiro gasto. É fácil perceber.

Para já, a PEV Enternainment, que organiza o festival, não avança com nenhum nome para o cartaz do próximo ano.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Torres Vedras recebe quarta edição do festival Novas Invasões

Este ano, o Novas Invasões continua a ter entrada gratuita, sendo necessário, no entanto, apresentar bilhete.

Festival interMEDio traz de volta a world music a Loulé

Ainda não há cartaz, mas será divulgado nos próximos dias.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Já repararam nos novos talões do Lidl? São mais ecológicos

Agora é esperar que a concorrência faça o mesmo.

Burger King abre novo restaurante em Sesimbra

É o 12º spot da marca no distrito de Setúbal e o segundo em Sesimbra.