Médio Tejo vai ter projeto cultural em rede para envolver as comunidades locais

Se acompanham o Echo Boomer e são residentes num dos concelhos do Médio Tejo, decerto que, algumas vezes, notaram nos artigos que fizemos sobre o projeto cultural Caminhos – Programação Cultural em Rede (chegámos a fazer uma reportagem). Pois bem, este ano existe um nova edição do Caminhos, mas também uma outra versão, chamada Os Caminhos das Pessoas.

- Publicidade -

Este novo projeto cultural em rede vai arrancar em novembro deste ano, logo após o término do Caminhos 2020, e decorrerá seguidamente em 2021 e 2022. A diferença deste projeto em relação ao original é que, segundo diz Miguel Pombeiro, secretário executivo da CIM do Médio Tejo, em nota de imprensa, “pretende muito mais trabalhar com as comunidades. Não é apenas numa lógica das populações enquanto espectadores num espectáculo, mas sim como parte integrante e envolvidas no próprio evento cultural”.

Sendo mais específico, estes novos Caminhos irão permitir dinamizar práticas artísticas e culturais por e ou para grupos excluídos ou socialmente desfavorecidos, bem como trabalhar ações para desenvolvimento de atitudes e capacidades de aprendizagem, desenvolver projetos inovadores ao nível da coesão social e fornecer uma melhoria geral de acesso à arte e cultura.

Ou seja, como já deu para entender, o desenvolvimento de atividades será direccionado para jovens e adultos em risco de exclusão social, desempregados, pessoas em situação de pobreza, indivíduos com deficiência, vítimas de violência doméstica, entre outros tipos de descriminação.

O orçamento para o triénio 2020 a 2022 deste Os Caminhos das Pessoas é de dois milhões de euros.

Fonte: Médio Tejo

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Câmara Municipal da Barquinha quer construir trilho de 14 quilómetros junto ao Tejo

Algo potenciado pelo facto de a Câmara ter agora à sua mercê a gestão do Castelo de Almourol.

VOLver é o novo projeto de programação cultural em rede do Médio Tejo

Une os municípios do Entroncamento, Torres Novas e Vila Nova da Barquinha.

Regresso à cultura conta com a ajuda de uma startup portuguesa

Os eventos-teste realizados no final de abril tiveram a ajuda de uma startup sediada em Coimbra.

Coimbra é a cidade escolhida para o terceiro teste-piloto

Mais uma iniciativa para perceber se é possível avançar com eventos culturais em segurança.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Análise – Olympic Games Tokyo 2020 – The Official Video Game (Xbox One)

Olympic Games Tokyo 2020 – The Official Video Game é claramente uma abordagem simples, familiar e intuitiva aos Jogos Olímpicos, sendo um complemento perfeito nesta época em que acompanhamos os nossos atletas e desportos favoritos.

Análise – Microsoft Flight Simulator (Xbox Series X|S)

Microsoft Flight Simulator voa mais alto e torna-se ainda mais acessível com a chegada da versão de consolas.

Série live action de Pokémon está em desenvolvimento para a Netflix

Mas o projeto está ainda numa fase muito embrionária.