Mastercard vai começar a descartar os cartões com banda magnética a partir de 2024

Já em 2029 não serão produzidos mais cartões com estas características.

- Publicidade -

À medida que a indústria dos cartões de pagamento se vai tornando cada vez mais segura, seja recorrendo a chips ou pagamentos contactless, há também que ir eliminando características que vão ficando obsoletas. É o caso das bandas magnéticas, que vão começar a desaparecer dos cartões Mastercard a partir de 2024.

Seja em cartões de débito ou crédito, essa transição na Europa por parte da Mastercard vai começar em 2024, ano em que a banda magnética já não será exigida em novos cartões. Nos Estados Unidos, contudo, essa transição só começará em 2027, uma vez que a adoção de pagementos com recurso a chips tem sido mais lenta.

Já em 2029 não serão produzidos mais cartões com estas características e, em 2033, estimam-se que desapareçam da face da Terra.

As bandas magnéticas surgiram na década de 60, tendo sido amplamente utilizadas durante cerca de 30 anos, quando começaram a aparecer os primeiros cartões com chips, ou seja, a partir da década de 90. A Mastercard diz ainda que é a primeira empresa de pagamentos a anunciar publicamente que vai deixar de suportar as bandas magnéticas.

Esta é uma excelente notícia, mas é preciso recebê-la com cautela, uma vez que terminais de pagamento mais obsoletos (encontramos muitos deles em vários estabelecimentos) não costumam ler, por vezes, os cartões com chip, sendo requerido a tal banda magnética. Até 2024, esperemos que essa situação seja resolvida.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

É agora possível carregar passes em cartões Lisboa VIVA expirados

Estas alterações resultam das medidas restritivas de circulação dos cidadãos.

SixthContinent limita uso de créditos e impede compra de cartões fora da loja portuguesa

Quanto o SixthContinent foi descoberto, não existia nem loja portuguesa nem língua portuguesa no site. Tal só surgiu muitos meses depois após a adesão em massa dos portugueses a esta plataforma. Porém, sempre foi possível comprar cartões em Espanha ou outros países... até agora.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Gleylancer – Da Mega Drive, com Amor

O título da Masaya Games chega finalmente ao ocidente, 29 anos depois da sua estreia.

O novo hambúrguer da Burger Wheels é de comer e chorar por mais

Não só já provámos, como até repetimos.

Blade of Darkness – À lei da espada

Um regresso ao passado competente que merecia algumas melhorias na jogabilidade.