Mão Dada a Moçambique: São estes os artistas que vão participar no espetáculo solidário

- Publicidade -

Foi na semana passada que demos que conta que Selma Uamusse, artista de origem moçambicana, conseguisse mobilizar, em 24 horas, dezenas de artistas e recursos humanos, técnicos e logísticos, para a realização de um espetáculo que terá lugar no Capitólio, no dia 2 de abril, a partir das 21h, a que a RTP se associa numa emissão especial que irá decorrer entre as 10h e as 00h.

Pois bem, já se sabe quais os artistas que vão participar neste espetáculo carinhosamente apelidado de Mão Dada a Moçambique.

gySMVIWjeU2ZNta62CrxRqYgKw1bPHcOFqrfTZ2LLKifIdPTMSOfo1CgG KgSEKQ0RfR12vsMHDi9qq9bc6G5UbbmC1gre786ZAO5yKqOcv otRYCi07oNv2m0c0wCfhRPTUifPo=w2400

Estes músicos irão interpretar um ou dois temas, a solo ou acompanhados por outros artistas, em formato acústico.

O objetivo é angariar o máximo possível de receitas, a distribuir equitativamente entre sete das associações que se encontram no terreno a prestar assistência às centenas de milhares de vítimas, através de bilhetes (Espetáculo e Bilhetes-Donativo) que estão já à venda.



Neste caso, existe o bilhete geral, por 20€, que dá acesso ao espetáculo, e os Bilhetes-Donativo por 20 e 30€. Não dão acesso ao espetáculo, mas destinam-se a pessoas, famílias, empresas e organizações, nacionais ou internacionais que, não querendo ou podendo assistir ao espectáculo, pretendem contribuir.

As sete associações beneficiárias serão a AMI – Fundação de Assistência Médica Internacional; Cáritas Portuguesa; Cruz Vermelha Portuguesa; Médicos Sem Fronteiras; Associação HELPO; a Fundação Girl Move e a ACRAS – associação cristã de reinserção e apoio social.

Para reforçar a angariação de verbas junto do público presente no Capitólio, será vendida a edição especial da Visão “Moçambique no Coração”, com preço de capa a 2,5€, cuja totalidade das verbas será doada à missão da Cruz Vermelha em Moçambique.

Haverá ainda uma linha de valor acrescentado criada em especial para o efeito e um call center para que pessoas fora de Portugal, ou que queiram contribuir com um valor superior, possam dar o seu contributo.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes