Lisboa Comedy Club abre portas já este mês

E com almoços e jantares de quarta a domingo.

- Publicidade -

Lembram-se quando, no passado mês de março, vos referimos que o Lisboa Comedy Club, espaço dedicado ao stand up comedy na capital portuguesa, iria ganhar uma segunda vida? Pois bem, já temos uma data para a abertura de portas ao público.

Acontece já no dia 10 de junho e vai contar com almoços e jantares de quarta a domingo.

O Lisboa Comedy Club será, assim, o único clube em Portugal exclusivamente dedicado à comédia, e em especial ao stand-up comedy. O novo espaço será um clube de comédia, sala de espetáculos, mas também restaurante e bar.

Até lá, podem continuar a apoiar o projeto através do aluguer de espetáculos de vários comediantes na plataforma digital dedicada do Lisboa Comedy Club. Têm à disposição roasts e solos de stand-up comedy. No que toca a roasts, têm aqueles que já passaram na TVI: Roast – Toy, Roast – José Castelo Branco e Roast – Ljubomir Stanisic. No que diz respeito a solos, têm de Guilherme Duarte, Hugo Sousa, Ana Garcia Martins, Paulo Almeida, Francisco Menezes, Jorge Picoto, Alexandre Santos, Gilmário Vemba, Rui Cruz, Tuneza, Jovem Conservador de Direita, Joel Ricardo Santos e Renato Albani. Problema? Encontram alguns destes solos no YouTube… sem que tenham de pagar qualquer valor.

Cada aluguer custa 3€, ficando o conteúdo em questão disponível durante 24 horas.

Além disto, o espaço está ainda a servir refeições através do Uber Eats. Têm à disposição petiscos, saladas, hambúrgueres, pizzas, sobremesas e até pipocas.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Lisboa Comedy Club ganha uma segunda vida

Para já, e enquanto não é possível receber público, podem alugar espetáculos e mandar vir hambúrgueres através do Uber Eats.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Há um novo restaurante Burger King em Alcochete

É o primeiro na zona e o 10º no distrito de Setúbal.

Serviços públicos essenciais obrigados a ter linhas telefónicas gratuitas

As empresas têm agora até ao próximo dia 1 de novembro para fazer cumprir este decreto-lei.