John Wick 4 atrasa a próxima missão por um ano

A Lionsgate mexeu também nas datas de outros filmes.

John Wick 3
- Publicidade -

O estúdio que nos trouxe Keanu Reeves de novo aos filmes de ação reagendou uma série de projetos, destacando-se, obviamente, a próxima aventura de John Wick. Inicialmente com data marcada para o mesmo dia em que estreia Matrix 4, 21 de maio de 2021 (nos Estados Unidos), o quatro capítulo de Wick aponta agora para 27 de maio de 2022, um ano depois do previsto.

É com poucas surpresas que John Wick 4 se atrasa, uma vez que, recentemente, o realizador Chad Stahelski tinha comentado ao portal Collider que o filme ainda não tinha um guião definido e que os esforços do ator e do realizador estavam concentrados nas gravações de Matrix 4, atualmente paradas, onde Keanu Reeves regressa ao papel de Neo e onde o próprio Stahelski está envolvido em parte no que toca às stunts do filme.

Além de John Wick 4, a Lionsgate também atualizou a sequela espiritual da saga SAW, que irá regressar com Spiral, onde Chris Rock produz e protagoniza, que inicialmente iria estrear já este mês. Agora, sabe-se que a película foi adiada precisamente um ano, passando para maio de 2021.

Outras alterações de datas atingem Hitman’s Wife’s Bodyguard, a sequela da comédia Hitman’s Bodyguard, com Ryan Reynolds e Samuel L. Jackson, que estreia agora em agosto de 2021.

Porém, e no meio de tanto ajuste, destaca-se o insólito, e muito curioso, filme onde Nicholas Cage vai fazer dele mesmo, numa história fictícia inspirada na sua própria carreira, The Unbearable Weight of Massive Talent, que mantém a data de março de 2021.

Tudo estreias a apontar na agenda que, se tudo correr bem, não mudam e poderão ser celebradas sem perigos de vírus.

- Publicidade -

Sigam-nos

12,691FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

Filme sobre Billie Holiday ganha primeiro trailer

A longa-metragem de Lee Daniels vai retratar os últimos e duros anos da vida de uma das maiores divas do jazz.

Crítica – Pieces of a Woman

Com um dos melhores atos de abertura dos últimos anos, a história emocionalmente chocante de Pieces of a Woman é elevada pelas melhores prestações das carreiras de Vanessa Kirby e Shia LaBeouf.

Mini-Críticas de 2020 (Cinema)

Opiniões concisas sobre alguns filmes para os quais não tivemos possibilidade de escrever uma crítica completa antes do fim do ano.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Google Arts & Culture mostra a profundidade e a diversidade da herança cultural egípcia

Pretende-se, assim, apoiar e destacar a cultura e a herança do Médio Oriente.

Continente do Bebé é o nome da nova marca própria do Continente

Os produtos da marca estão em destaque na Feira do Bebé do Continente, que decorre em todas as lojas Continente até 24 de janeiro, com descontos diretos até 25%.

Restaurante lisboeta recusa-se a fechar portas durante o novo confinamento

O casal fundador do restaurante Lapo, em Lisboa, invoca a constituição para manter as portas abertas.