LINK segue tendência do mercado e aposta em passes para as trotinetes

- Publicidade -

Os passes estão disponíveis nas três cidades nas quais a LINK opera: Lisboa, Cascais e Faro.

À medida que as marcas de trotinetes se vão estabelecendo no mercado, é perfeitamente natural que muitas delas acabem por apostar em passes, pensados para os passageiros que fazem viagens frequentes. Porém, muitas dessas empresas parece que acabam por desistir dos passes após algum tempo, pelo que mais parece uma opção experimental que outra coisa.

Antes da pandemia, por exemplo, em plena febre deste nicho de mercado, era frequente vermos as mais variadas a apostarem em passes. Depois veio a pandemia, o negócio parou totalmente e muitas empresas acabaram por abandonar o mercado português, sobrando apenas umas três ou quatro marcas.

De momento, temos a funcionar em Portugal as trotinetes da Lime, Bird, Bolt e LINK. E é precisamente esta última que lança agora passes em Portugal, disponíveis em três modalidades: diários, semanais e mensais.

Os “Passes” Superpedestrian oferecem aos passageiros os primeiros 30 minutos de viagem na compra de qualquer um dos passes (diário, semanal e mensal). Os clientes que adquirirem o passe de um dia não têm limite de utilizações dos períodos gratuitos de 30 minutos. Os passageiros que optarem pelo passe semanal podem utilizar 30 viagens gratuitas de 30 minutos e os clientes que comprarem o passe mensal têm acesso a 100 viagens gratuitas de 30 minutos.

As taxas de desbloqueio não são cobradas em todos os períodos gratuitos de 30 minutos. Após esse período aplica-se o preço por minuto, estabelecido para as cidades portuguesas.

Resta saber que os passes estão disponíveis nas três cidades nas quais a LINK opera: Lisboa, Cascais e Faro.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes