Jordan Rakei e Moses Boyd no EDPCOOLJAZZ 2022

- Publicidade -

Mais confirmações serão anunciadas em breve.

Há mais dois nomes confirmados para a edição deste ano do EDPCOOLJAZZ. Desta vez, a organização confirmou Jordan Rakei e Moses Boyd, sendo que ambos tocam a 28 de julho no palco do Hipódromo Manuel Possolo.

São dois artistas jovens e contemporâneos que têm vindo a conquistar o público. O multi-instrumentista e produtor Jordan Rakei, que já tinha pisado o palco do EDPCOOLJAZZ em 2018, regressa para apresentar o seu novo álbum, What We Call Life, um novo trabalho que reflete o seu percurso através da terapia, bem como o EP Bruises.

Já o prodigioso baterista de jazz Moses Boyd, que passou no passado mês de fevereiro pelo ID NO LIMITS, festival também promovido pela Live Experiences, vem apresentar o seu novo álbum Dark Matter, trazendo para o palco a energia do grime e ritmos dos clubes underground de Londres, combinado com o jazz.

Os bilhetes para este dia já estão à venda, variando entre os 30€ e os 40€. Os bilhetes para os restantes dias do festival continuam à venda, sendo que estão confirmados os concertos de John Legend e Murta (2 de julho), Yann Tiersen (21 de julho), Miguel Araújo e Tiago Nacarato (23 de julho), Diana Krall (27 de julho) e Jorge Ben Jor (30 de julho).

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

- Publicidade -

Relacionados

Paul Anka no EDPCOOLJAZZ 2022

Uma confirmação que se pode dizer histórica.

Lionel Richie cancela concerto no EDPCOOLJAZZ

Tudo devido aos motivos de sempre.

Shygirl, Moses Boyd e mais no ID No Limits 2022

O ID No Limits é o evento que combina música urbana e eletrónica com o que de mais contemporâneo se produz um pouco por todo o mundo.

Diana Krall no EDPCOOLJAZZ 2022

A artista tem novos temas para apresentar.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Novo Saw oficialmente confirmado para outubro de 2023

O jogo que tem vindo a ser jogado há quase 20 anos continua no próximo ano.

Modigliani: 25 anos depois, Johnny Depp volta a realizar um filme

A produção de Modigliani vai ficar a cargo de Al Pacino.