I’m Tsushima the Cat vai ter adaptação para série ainda este ano

Algures no verão.

I'm Tsushima the Cat
- Publicidade -

Publicado no Japão desde 2017, o manga I’m Tsushima the Cat, também conhecido como Ore, Tsushima naquele país, da autoria de Opunokyodai, conta, até ao momento, com três volumes encardernados publicados pela editora Shogakukan. Em breve, vai ganhar adaptação televisiva em formato anime.

Para quem não conhece, I’m Tsushima the Cat apresenta-nos a história de uma idosa que possui vários gatos que, por sua vez, pensam que ela é um homem, chamando-a de Ojii-chan. Um dia, um gato misterioso apelidado de Tsushima aparece no seu jardim. E é a partir daí que as aventuras começam.

Teremos duas conhecidas vozes na dobragem original: Akio Otsuka (Batou em Ghost in the Shell) e Mayumi Tanaka, que dá a voz a Luffy em One Piece.

Os estúdios Fanworks e Space Neko Company irão produzir o anime, cuja realização ficará a cargo de Jun Aoki. De resto, apenas sabemos que a versão em série animada de I’m Tsushima the Cat deverá estrear algures no verão.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,987FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
785SeguidoresSeguir

Parceiros

Relacionados

Panic. A nova série da Amazon Prime Video estreia em maio

Panic é uma série de Amazon Studios criada e escrita por Lauren Oliver.

Clarice. Série que acontece após O Silêncio dos Inocentes chega este mês à FOX

E logo com um duplo episódio, para começar bem a nova história.

Prisão Domiciliária. Nova série portuguesa da OPTO estreia este mês

Daqui a duas semanas, para sermos mais específicos.

Oficial: CSI está mesmo de regresso ao pequeno ecrã

William Petersen, Jorja Fox e Wallace Langham estão de regresso.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Reconstrução do Muro das Namoradeiras no Terreiro do Paço está finalizada

A reconstrução do Muro das Namoradeiras envolveu a inventariação de mais de 400 pedras que se encontravam depositadas nas instalações do Metro da Pontinha.

Não responder aos Censos 2021 dá origem a uma multa que vai dos 250 até um máximo de 100 mil euros

Sim, é mesmo essa informação que surge no Decreto-Lei n.º 54/2019 de 18 de abril.

Testagem gratuita à Covid-19 alargada a todos os moradores da cidade de Lisboa

Quer isto dizer que o Plano Municipal de Testagem, anunciado em março passado, deixa de estar limitado aos moradores das freguesias com mais de 120 casos por 100 mil habitantes e a cidadãos maiores de 16 anos.