IKEA promove Black Friday ao contrário e vai comprar de volta peças de mobiliário da marca aos clientes

- Publicidade -

É uma economia circular a funcionar.

Têm produtos da IKEA em bom estado lá por casa, mas não têm pachorra para ir para grupos do Facebook ou OLX promover essas vendas? Pois bem, a marca sueca volta a repetir uma iniciativa que teve muito sucesso em anos anteriores.

Em 2022, a campanha #BuyBackFriday, que irá decorrer de 15 a 29 de novembro, vai funcionar ao contrário.

O objetivo desta iniciativa é dar uma segunda vida e uma nova casa a estes produtos indesejados, com pouca utilidade ou que se tornaram irrelevantes, através do seu reaproveitamento para venda em segunda mão.

Por cada venda, receberão um Cartão Presente IKEA que poderá ser usado em qualquer loja IKEA Portugal no prazo de um ano da data da sua entrega. O valor de compra dependerá do tipo de artigo e do seu estado de conservação, podendo ir até 50% do preço original do produto. No período da campanha Black Friday da IKEA, os membros IKEA Family que venderem os seus móveis IKEA, além do valor que lhes for atribuído, recebem ainda adicionalmente 50% do valor atribuído a cada artigo revendido.

O processo é simples:

  • Preencher o formulário e agendar dia e hora de entrega – Quando preenchem o formulário, recebem imediatamente uma estimativa do preço de revenda dos vossos móveis IKEA usados e irão conseguir selecionar o dia e a loja onde pretendem dirigir-se.
  • Levar para a loja no dia e hora marcada – No dia escolhido, devem levar os móveis usados à zona dedicada para a entrega na loja IKEA selecionada, onde um dos colaboradores IKEA vai verificar o estado dos móveis para confirmar a avaliação final.
  • Receber um cartão de reembolso – Com a verificação concluída, recebem um cartão de reembolso IKEA com o valor final atribuído. Esse cartão pode ser utilizado na IKEA até um ano após a data de emissão. E por serem membros IKEA Family, recebe adicionalmente até mais 50% do valor atribuído aos móveis que venderem à marca.

A IKEA aceita cómodas, armários de escritório com gavetas, pequenas estruturas com gavetas, soluções de arrumação e aparadores; estantes; mesas pequenas; móveis para multimédia; armários; mesas de refeição e secretárias; cadeiras e bancos (sem estofo); sofás e poltronas; e cómodas.

Os móveis que irão vender à IKEA serão colocados à venda na Área Circular pelo mesmo preço que receberam pela respetiva venda.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes