Loja online da Huawei pode estar prestes a chegar a Portugal

Apesar das desavenças com os Estados Unidos da América, uma vez que continua a estar na lista negra de Donald Trump e, por isso, impedida de fazer negócios com empresas, a Huawei permanece uma marca muito querida para os utilizadores, incluindo os portugueses.

- Publicidade -

Para este ano, embora a tecnológica chinesa preveja uma quebra na ordem dos 20% no que a vendas de telemóveis diz respeito, até porque deverá enviar menos equipamentos para as lojas, promete não desiludir aqueles que são fãs da marca, com novos portáteis, smartphones, tablets, auriculares e outros dispositivos inteligentes. No fundo, tentar criar um ecossistema Huawei forte junto do seu público.

Em Portugal, a marca chinesa continua a ser uma das preferidas dos aficcionados por tecnologia, tanto que, por exemplo, o mais recente Mate 30 Pro, que não tem acesso ao Google Mobile Services, está à venda no nosso país, o que demonstra uma aposta da Huawei no mercado português, embora esse dispositivo em específico só tenha chegado a Portugal no passado mês de janeiro.

Tudo isto para dizer que 2020 pode ser um ano chave para o futuro da Huawei, pelo que a marca tentará ultrapassar a zanga com os EUA e, para isso, tem de conseguir criar equipamentos sem recurso àquele país. Adicionalmente, a marca tem de investir e continuar a lançar novidades, de modo a garantir a confiança dos clientes.

Por exemplo, foi no início deste mês que a Huawei abriu a sua loja online em Espanha. É a terceira na Europa, depois de França e Alemanha, e permite comprar produtos certificados pela multinacional chinesa, alguns deles até exclusivos, e falar com operadores de chat, disponíveis para esclarecer dúvidas ou ajudar a resolver problemas, bem como agendar recolhas de equipamentos para reparação. Então e Portugal não tem direito a uma loja?

Sabendo da abertura desta loja online em Espanha, questionámos a Huawei Portugal, que nos garantiu que “a Huawei está a pensar estender este serviço também a Portugal, mas ainda não temos data prevista para arrancar com este projeto”.

Ou seja, vamos ter por cá uma loja online da Huawei? Sim. Não sabemos é quando.

De momento, os utilizadores portugueses podem comprar os dispositivos da marca tanto em lojas físicas, como em diversos websites (mesmo no estrangeiro, em lojas como a Amazon e afins), mas não existe nada dedicado à marca chinesa por cá (não consideremos as lojas físicas que a marca tem em Lisboa).

É que embora existam essas tais lojas na capital portuguesa, acaba por ser pouco cómodo para quem vive fora da zona da Grande Lisboa. Quando a esta eStore ficar disponível por cá, existirão diversas vantagens, como preços exclusivos na semana de “abertura”, promoções ocasionais, venda de produtos somente disponíveis online naquela loja, um serviço ao cliente de topo e muitas outras surpresas.

Este será, sem dúvida, um passo importantíssimo para que a Huawei possa estabelecer-se ainda mais como uma das marcas mais desejadas pelos portugueses.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,987FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
784SeguidoresSeguir

Parceiros

Relacionados

Análise – Razer Anzu

Os Razer Anzu são uma aposta no útil e agradável, que se distancia do mundo do gaming, com algo que pode ser uma bela ferramenta de comunicação dentro e fora de casa.

Junta de Freguesia do Areeiro lança loja online para apoiar o comércio local

A iniciativa da autarquia quer aproximar negócios locais do Areeiro aos seus habitantes, com uma plataforma digital simples que permite a encomenda e entrega de produtos para os residentes da zona.

Huawei lança o seu primeiro monitor em Portugal

Há uma nova aposta da marca, para as nossas secretárias.

Loja online do Esporão está de volta. E não tem só vinhos

Podem encontrar vinhos, azeites, cervejas artesanais e vouchers de experiências.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Epic Games Store oferece 3 meses de Disney+ na compra de Kingdom Hearts III e do DLC

A promoção é válida para países como Portugal e Brasil, entre tantos outros, e está em vigor até 31 de maio deste ano.

As novas mini bolachas do Continente contam com 0% de açúcares adicionados

Estão disponíveis em três variedades diferentes e prometem ser perfeitas para os snacks do dia-a-dia.