Governo confirma aulas à distância a partir de 8 de fevereiro

- Publicidade -

A decisão foi tomada após mais uma reunião do Conselho de Ministros.

Ensino

Já se esperava. Após a suspensão da atividade escolar, e com a pandemia a impossibilitar a reabertura dos estabelecimentos de ensino, eis que o Governo tomou a necessária decisão de voltar ao ativo com as aulas à distância.

Tudo começa a partir do dia 8 de fevereiro. Quer isto dizer que a suspensão das atividades letivas nos estabelecimentos escolares mantém-se até ao dia 5 de fevereiro.

Foi também decretada a reposição de pessoas nas fronteiras terrestres e a possibilidade de suspensão de voos e determinação de confinamento obrigatório de passageiros à chegada quando a situação epidemiológica assim o justificar.

Adicionalmente, o Governo aprovou a imitação às deslocações para fora do território continental por parte dos cidadãos portugueses efetuadas por qualquer via, designadamente rodoviária, ferroviária, aérea, fluvial ou marítima naturalmente com um conjunto de exceção de viagens que sejam impreteríveis por motivos profissionais ou de saúde, por exemplo.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

- Publicidade -

Relacionados

Aulas vão mesmo recomeçar a 10 de janeiro

Todavia, o Conselho de Ministros avaliará a situação de acordo com a evolução epidemiológica.

Governo já emitiu seis milhões de vouchers para manuais escolares gratuitos

E atenção que o levantamento dos manuais é feito em locais diferentes consoante sejam novos ou reutilizados.

Governo lança LEME, um site que promove aprendizagens relacionadas com os media e que combate a desinformação

Está disponível para o público em geral e, nomeadamente, para professores e alunos.

Governo estende as medidas atualmente em vigor por mais 15 dias

"Este infelizmente ainda não é o tempo do desconfinamento", frisou o primeiro-ministro, António Costa, após mais uma reunião do Conselho de Ministros.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Balada para Sophie, banda desenhada portuguesa, vai ser adaptada a série pela Universal

IDW anunciou a adaptação de cinco títulos de banda desenhada para várias plataformas, e uma é da autoria do português Filipe Melo.

Concerto dos Backstreet Boys em Lisboa está esgotado

Agora só mesmo através de um passatempo... ou mercado em segunda mão.