FREE NOW (ex-mytaxi) já tem o serviço Lite a funcionar

E em toda a zona metropolitana de Lisboa e do Porto. Quando falámos do rebranding do mytaxi para FREE NOW, esta opção Lite ainda não estava disponível. Mas agora é oficial: os passageiros podem viajar mais barato que o normal.

- Publicidade -

Lite, como o nome indica, significa um serviço de táxi mais barato que o normal, com preços acessíveis. Mas isto não quer dizer que a qualidade desça, claro. Em comunicado, a FREE NOW estima que as viagens “cheguem a ser 30% mais baratas do que uma viagem de táxi normal e equiparado ou mesmo inferior a outras opções no mercado”.

O Lite funciona em exclusividade com tarifas contratadas, o taxímetro em Letra C, o que significa que o motorista em todos os serviços Lite aciona esta tarifa. Aqui, o taxímetro não estará a contar, sendo o preço acordado entre a FREE NOW e os seus parceiros operadores de táxi.

Além disso, e tal como já tínhamos referido anteriormente, será possível tanto ao passageiro como ao motorista saber à partida o preço exato que irá ser cobrado pela viagem. A única variável serão os custos de portagem caso os destinos incluam passar por estes pórticos.

Atenção, o serviço Lite funciona apenas com recurso a pagamento via app, sendo obrigatório colocar o destino final antes de solicitar a viagem. Só assim conseguirão saber o preço final a pagar.

O melhor de tudo? Existem descontos para assinalar o lançamento deste serviço Lite. Assim, em Lisboa, os utilizadores devem colocar na app os códigos “lite50” e “lite25” para obter 50% e 25% de desconto, respetivamente. Para quem estiver no Porto, os códigos promocionais para as viagens Lite são “liteporto50” e “liteporto25“.

Mas atenção, cada código tem um limite de utilização de 3000 unidades. Além disso, o máximo de desconto possível com o código de 50% é de 6€, ao passo que o montante máximo a descontar utilizando o código de 25% será de 3€.

No futuro, espera-se que serviços como a Hive e Kapten integrem esta plataforma.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Viajar na Free Now vai ficar mais caro

Já a partir de 11 de outubro.

Free Now quer que sejam os motoristas a decidir se transportam ou não passageiros no banco dianteiro

A plataforma eletrónica chama a atenção para a medida aprovada recentemente em Conselho de Ministros e considera que, caso não seja alterada, poderá aumentar o risco de transmissibilidade da Covid-19 entre profissionais e clientes de Táxi e TVDE.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Grupo Barraqueiro pretende usar carruagens espanholas para ligar Braga a Faro

O objetivo é tornar-se o primeiro operador ferroviário de longo curso em Portugal.

Vila Galé quer abrir hotéis nos Açores e em Tomar em 2022

Além disso, há planos para uma nova unidade hoteleira para crianças no Alentejo.

Teatro São João reabre a 22 de outubro

A operação Reabilitação do Teatro São João e Programa Comemorativo do seu Centenário envolveu um valor global de 2,55 milhões de euros e que beneficiou de um investimento de 2 milhões de euros do programa operacional regional NORTE 2020.