Estação Ferroviária de Santa Apolónia vai ganhar 300 camas para estudantes

- Publicidade -

Bem como a realização de obras de renovação daquela estação ferroviária.

A IP Património (IPP), empresa do Grupo IP, celebrou hoje, 19 de dezembro, com a LUX Mundi – Empreendimentos Hoteleiros um Contrato de Subconcessão de Uso Privativo parcial de Bem do Domínio Público Ferroviário para instalação e exploração de uma Residência Universitária na Estação Ferroviária de Santa Apolónia.

O contrato estabelecido visa a concessão parcial do edifício de passageiros, por um prazo de 35 anos, para a instalação e exploração de uma residência universitária, com cerca de 300 camas, bem como a realização de obras de renovação daquela estação ferroviária.

O investimento, da responsabilidade do subconcessionário, está estimado em cerca de 7 milhões de euros e destina-se à reabilitação e adaptação da ala poente e parte dos pisos 1 e 2 da ala central do edifício de passageiros inaugurado em 1865.

Trata-se de uma nova etapa na valorização e reabilitação integral do edifício da histórica Estação, integrada num vasto conjunto de processos que têm por objetivo a introdução de maior diversidade de usos e serviços complementares e de apoio às estações ferroviárias, neste caso, com a entrada em operação de uma residência universitária que irá ocupar área não essencial à exploração ferroviária, de cerca de 4.840 m2 (não contabilizando, áreas de sótão e acessos partilhados, estes últimos representando uma superfície total de 271 m2).

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes