EDP COOL JAZZ não se realiza mesmo este ano

Já tínhamos essa indicação, mas agora é oficial.

COOL JAZZ
- Publicidade -

Quando, há duas semanas, dedicámos um artigo a falar na questão dos cartazes para 2021, umas promotoras comprometeram-se a ter o mesmo cartaz, ou quase na totalidade, vá, enquanto que outras preferiram resguardar-se.

Nesse artigo, Karla Campos, diretora do EDP COOL JAZZ, referiu que já tratava do adiamento para julho de 2021, até porque já não vendiam bilhetes desde 10 de março.

E agora é mesmo oficial: não há EDP COOL JAZZ em 2020, só mesmo no próximo ano.

“As nossas expectativas para 2020 eram enormes dado a qualidade ímpar do cartaz, o ritmo muito bom de bilheteiras, entre outros indicadores, bem como o trabalho que temos desenvolvido em vincar o quão único é este festival, lamentamos muito ter que adiar, estamos muito tristes, no entanto, valores mais altos se levantam, agora a saúde pública é a nossa prioridade. Contamos com a compreensão do público, dos parceiros e dos artistas. Queremos sempre mais e melhor para a audiência que acompanha e celebra connosco ano após ano. A 17ª edição cumpre-se em 2021 e a certeza é que vai ser excelente”, refere Karla Campos em comunicado oficial.

No que diz respeito aos bilhetes, os mesmos serão válidos para a edição de 2021, não sendo necessário fazer a troca. Quer isto dizer que o cartaz será o mesmo? Não sabemos, mas a organização promete novidades para breve. Além disso, também ainda não temos dias confirmados para julho do próximo ano.

Recorde-se que, na edição deste ano, estavam confirmados nomes como John Legend, Lionel Richie, Yann Tiersen, Jorge Ben Jor, entre outros.

- Publicidade -

Parceiros

Relacionados

Vodafone Paredes de Coura pode ganhar mais dias em 2022

"Vamos elevar o risco, mas quero fazer uma edição histórica", disse recentemente João Carvalho, diretor do festival minhoto.

Festival O Sol da Caparica passa para 2022

A organização promete "uma edição incrível e inesquecível com muita música lusófona".

Música – Álbuns essenciais (junho 2021)

Uma dúzia de bons álbuns chegam para resumir o mês de junho.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Fórmula 1 – Grande Prémio da Hungria fica para a história graças a um Alpine e a um Mercedes

O Grande Prémio da Hungria fica marcado por uma primeira volta cujos acontecimentos, proporcionados em grande parte pelo Mercedes nº 77, conseguiram meter 5 pilotos de fora, mas também pela vitória de Esteban Ocon e ainda por termos não um, mas dois carros da Williams nos pontos.

Preparem a carteira: Combustíveis voltam a aumentar de preço já amanhã

Começa a ser um mau hábito, mas os portugueses não conseguem fugir desta realidade.