Ed Sheeran vem a Portugal no próximo ano

por Echo Boomer

O músico Ed Sheeran acaba de anunciar a digressão de 2019 que tem passagem garantida por Lisboa, dia 1 de junho, no Estádio da Luz. Portugal faz parte das novas datas em nome próprio, paralelamente com datas de festivais, que se juntam à já anunciada e esgotada digressão de estádios na Árica do Sul, em março de 2019.

Durante os meses de maio, junho, julho e agosto de 2019, as novas datas anunciadas passarão por Portugal, França, Espanha, Itália, Alemanha, Áustria, Roménia, Letónia, Rússia, Finlândia, Dinamarca, Hungria e Islândia, terminando no Reino Unido, com dois espetáculos especiais de regresso a casas em Leeds, nos dias 16 e 17 de agosto, e em Ipswich, nos dias 23 e 24 de agosto.

Os bilhetes serão colocados à venda dia 27 de setembro, quinta-feira, a partir das 10h, nos pontos de venda oficiais: FNAC, Worten, El Corte Inglés, www.ticketline.pt, SEETickets.com, SEETickets.es, ticketmaster.es, Masqueticket, Digitick e nas bilheteiras oficiais da Ticket Line (Agência ABEP, Galeria Comercial Campo Pequeno, Casino de Lisboa, CCB, Do Alentejo Pro Mundo, C.C. Dolce Vita, Cascais Visitor Center, E.Leclerc Guimarães e Famalicão, Fórum Aveiro, Forum Braga, IT-Tabarias-Amadora e Estoril, MMM Ticket, C.C. Mundicenter, Note!, Pav. Multiusos de Guimarães, Shopping Cidade do Porto, SuperCor, Time Out Mercado da Ribeira, Teatro Tivoli BBVA, UTicketline, Ticke Line Sede).

Ainda em relação aos bilhetes, que variam entre os 59€ e os 80€, alerta-se que apenas os bilhetes comprados nos pontos de venda oficiais serão válidos para entrar no espetáculo. Qualquer bilhete adquirido através de terceiros ou sites de revenda de bilhetes (como são exemplo a Viagogo, Stubhub.pt e Ticketswap,) não serão válidos à entrada do Estádio da Luz, no dia 1 de junho.

Todos os bilhetes adquiridos serão nominativos com a denominação do comprador. Desta forma, chama-se a atenção de que é obrigatório a apresentação do comprovativo de compra, assim como de um documento de identificação, com fotografia, à entrada do estádio.

Importa ainda referir que, no caso do comprador não ser um dos espectadores, deverá solicitar no ato da compra a impressão do nome a quem se destina. Esta modalidade impedirá a revenda de bilhetes a preços inflacionados através de sites de compra não oficiais.


 

Também pode interessar

Deixar uma resposta

O Echo Boomer utiliza cookies para dar a melhor experiência possível aos nossos leitores. Aceitar Ler mais

%d bloggers like this: