fbpx

Dia Mundial da Água: Garrett McNamara dá 5 dicas para despoluir o oceano

Celebra-se hoje o Dia Mundial da Água. E nada como umas dicas de alguém que vê na água o seu habitat natural. Ou quase. Falamos de Garrett McNamara, surfista detentor do recorde da maior onda surfada até 2018, que sugere algumas atitudes ecológicas que se podem por em prática, ao mesmo tempo que se desfruta dos benefícios do sol e do mar.

1 – Organizar uma limpeza à praia com as crianças

As crianças são a nova geração de líderes do futuro e é importante que se tornem conscientes do impacto das suas ações. Consciencializá-las para as questões ambientais é dar-lhes ferramentas para que façam escolhas mais sustentáveis. Juntar um grupo de crianças e organizar uma limpeza a uma praia é uma forma didática de lhes mostrar o impacto real que o lixo tem no meio ambiente.

2 – Trazer sempre mais lixo da praia do aquele que se levou

Sempre que desfrutarem de um dia de praia, estejam sozinhos ou em família, levem sempre o lixo convosco e coloquem-no nos respetivos contentores de reciclagem. Adicionalmente, se cada pessoa levar da praia mais lixo do que aquele que se produziu, é dar um contributo importante para a conservação do meio ambiente. Se conseguirmos inspirar os outros a fazer o mesmo, conseguimos um efeito em cadeia muito positivo.



3 – Fazer escolhas conscientes

A maior parte do plástico produzido e consumido acaba no mar. Por isso, evitem ao máximo o consumo de plástico, principalmente o de uso único, e certifiquem-se de que o colocam num contentor de reciclagem. Existem vários produtos que podem ser substituídos por materiais sustentáveis, como trocar os sacos de plástico e a película aderente para embalar os snacks por sacos de pano reutilizáveis.

4 – Apoiar uma organização ou projeto que defenda os oceanos

A sociedade está cada vez mais atenta e une-se para agir em prol da defesa dos oceanos. Reverter as estatísticas está ao alcance de todos, mas ganha mais poder quando é feita de forma organizada. Apoiar uma organização ou um projeto que defenda os oceanos é uma forma de sentirem que estão a contribuir ativamente para esta causa. Poderão fazê-lo não só com doações, mas inscrevendo-se como voluntários.

5 – Usar equipamentos de lazer no mar de marcas ecologicamente conscientes

Para surfar as ondas gigantes, como as da Nazaré, são necessários equipamentos fiáveis e seguros. Por exemplo, a Yamaha tem encarado este tema com seriedade e investido em desenvolver motores mais sustentáveis, com maior potência e menos consumo de combustível.

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,779FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
629SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Escola de Medicina da Universidade do Minho lança plataforma de autoavaliação da saúde mental

A Escola de Medicina da Universidade do Minho, em colaboração com o seu Centro de Medicina Digital P5, desenvolveu uma plataforma gratuita que permite fazer uma autoavaliação da saúde mental.

Domino’s Pizza chegou a Leiria

A marca continua a sua expansão por Portugal.

Alain Afflelou lança óculos de sol fabricados com plásticos retirados do oceano

Em cada par de óculos H2O foram utilizadas cinco garrafas de plástico recuperado do oceano.
- Publicidade -

Mais Recentes

Escola de Medicina da Universidade do Minho lança plataforma de autoavaliação da saúde mental

A Escola de Medicina da Universidade do Minho, em colaboração com o seu Centro de Medicina Digital P5, desenvolveu uma plataforma gratuita que permite fazer uma autoavaliação da saúde mental.

Domino’s Pizza chegou a Leiria

A marca continua a sua expansão por Portugal.