4 em cada 5 consumidores dispostos a trocar informações pessoais por descontos na net

O objetivo? Poupar dinheiro neste Natal.

informações pessoais
- Publicidade -

Com o Natal a aproximar-se, muitos consumidores estão agora a preparar-se para gastar o que podem, tentando, ao mesmo tempo, poupar ao máximo. Mas isto levou a que muitos se preparassem para correr riscos de forma a conseguir aproveitar as promoções.

De acordo com a nova investigação da Kaspersky, os consumidores estão também dispostos a assumir maiores riscos no que toca à partilha de informações pessoais, com o objetivo de poupar dinheiro neste Natal. O estudo revela que 84% dos consumidores não se importam de partilhar dados pessoais com retalhistas, como endereços de email e números de telefone, de forma a obterem um grande desconto nas suas compras festivas. Tal corresponde a quatro em cinco consumidores que estão dispostos a trocar informações pessoais por essas “regalias”.

Apenas um quarto (25%) dos inquiridos está consciente dos esquemas que costumam acontecer com maior frequência durante as férias de Natal ou em períodos de saldos e não está disposto a correr riscos para obter grandes descontos. Inclusive, menos de um quinto (17%) afirma que só fará compras em grandes marcas para evitar comprometer a sua segurança.

As descobertas da Kaspersky revelam, também, que apenas uma pequena parte dos consumidores está ciente dos problemas que podem surgir se não forem cautelosos enquanto fazem compras online – especialmente tendo em conta que o período festivo é um cenário favorável para ataques de phishing. Por exemplo, apenas um terço (33%) dos inquiridos afirma que não está disposto a fazer compras através de um website que parece ilegítimo e 29% acredita conhecer os potenciais riscos de segurança que podem advir de marcas desconhecidas que oferecem grandes descontos.

Enquanto fazem as suas compras online, os consumidores interessados em promoções devem permanecer atentos a potenciais esquemas de venda, que permanecerão durante toda a época festiva. Se algo parecer demasiado bom para ser verdade, então é porque provavelmente o é.

Dito isto, devem somente efetuar compras em lojas online legítimas. Tentem, também, pagar sempre via PayPal, pois existe opção de reclamar diretamente caso algo corra mal.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

A nova promoção da PlayStation Store é dedicada a sequelas e prequelas

Terminaste um dos teus jogos favoritos e queres mais?

Freebee é o site que dá descontos em centenas de lojas

E tanto há descontos diretos como outros que se acumulam para uma próxima compra.

NOWO está a oferecer 50% de desconto nos seus pacotes de Internet

A redução de preço na mensalidade é válida durante 12 meses. Mas têm que fidelizar-se durante 24 meses para terem acesso a esta benesse.

Nova campanha da CP promete descontos de até 80%

É possível ir de Lisboa ao Porto por apenas 5€.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Já repararam nos novos talões do Lidl? São mais ecológicos

Agora é esperar que a concorrência faça o mesmo.

Burger King abre novo restaurante em Sesimbra

É o 12º spot da marca no distrito de Setúbal e o segundo em Sesimbra.