Afinal, como é que funciona o news feed do Facebook?

A rede social mais famosa do planeta acaba de publicar dois novos artigos sobre este tema.

news feed do Facebook
- Publicidade -

Servem não só para para esclarecer algumas dúvidas e mitos que existem, mas também para dar uma explicação mais aprofundada sobre os modelos machine learning (ML) que estão na base do news feed e nas classificações de conteúdo em tempo real, que define a relevância do conteúdo para cada utilizador.

Se o primeiro artigo dá uma perspetiva geral de como funcionam as classificações – link aqui -, o segundo é mais técnico, tratando dos sistemas de aprendizagem multitask e offline – link aqui.

Em todo o caso, pode-se constatar o seguinte:

  • O sistema de classificação/ranking do news feed não é um algoritmo único; são várias camadas de modelos de ML que são aplicados para prever o conteúdo mais relevante e significativo para cada utilizador. Como se define o que é mais relevante? Uma das formas é perguntar. O Facebook pergunta constantemente aos utilizadores se consideram que o conteúdo ou uma interação em específico é relevante para eles.
  • O primeiro passo é o sistema de classificação/ranking reunir todas as publicações possíveis para mostrar a alguém em específico, incluindo conteúdos partilhados por amigos, Grupos ou Páginas, desde que fez o último login no Facebook.
  • Em seguida, o sistema dá uma pontuação a cada conteúdo, baseado numa série de fatores, por exemplo, se é relevante para o utilizador; quem fez o conteúdo; e se esse conteúdo corresponde a quem o utilizador normalmente interage. Estes processos de integridade (integrity process) são aplicados a todas as publicações do Facebook.
  • Depois, outro modelo restringe o grupo de candidatos às publicações mais relevantes, sendo que quantas menos publicações forem analisadas, mas poderosa é a ferramenta de modelo neural network.
  • Por fim, faz-se a classificação/ranking principal, em que todos os conteúdos recebem uma pontuação e ordenam-se as publicações pela respectiva pontuação. O último passo é a contextual pass, que é uma contextualização do conteúdo através de ferramentas específicas para contextualizar, que garantem que o news feed tem um balanço interessante de temas diferentes.

É de assinalar que todas estas etapas acima descritas acontecem em tempo real e no mesmo tempo que demora alguém a abrir o Facebook, ou seja, quando alguém abre a aplicação do Facebook existe um trabalho imediato de classificação e distribuição de conteúdo para cada pessoa.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Facebook passa a permitir publicações anónimas nos grupos

A funcionalidade de publicação anónima permite às pessoas publicarem nos grupos, mas sem que tenham de partilhar publicamente os seus nomes.

Acontece este mês o primeiro evento online pago no Facebook em Portugal

Os Eventos Online Pagos do Facebook são uma nova forma de as páginas ganharem dinheiro com eventos online naquela rede social.

Facebook vai restringir o alcance de grupos que violam as regras

Será desta que vamos deixar de ver os famosos diretos de venda de roupa e outros produtos?
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Portela leva os “melhores iced coffee, affogatos e cappuccinos” para o Parque das Nações

Este espaço é também o primeiro a refletir a mudança de identidade recentemente assumida pela marca.