fbpx

Cláudia Pascoal sucede a Salvador Sobral na Eurovisão

Está encontrada a nova artista que vai representar Portugal na final do Festival Eurovisão da Canção. Cláudia Pascoal, a intérprete de “O Jardim”, tema composto por Isaura, é a nova vencedora do Festival da Canção e, consequentemente, a representante nacional do concurso que irá realizar-se em Lisboa no próximo mês de maio.

Cláudia Pascoal sucede assim a Salvador Sobral que, no ano passado, deu a primeira vitória de sempre a Portugal na Eurovisão.

“O Jardim” obteve 12 pontos do público, a pontuação máxima, e, da parte do júri regional, foi a segunda mais votada, surgindo atrás do tema “Para sorrir eu não preciso de nada”, interpretado por Catarina Miranda, conhecida no meio artístico por Emmy Curl. Contudo, o voto do público é soberano, pelo que Cláudia Pascoal foi a escolhida para representar o país na competição.

O tema composto por Isaura era dos favoritos à vitória e isso notava-se pelas reações ao vivo que se iam registando na gala que decorreu no Pavilhão Multiusos de Guimarães. Porém, o taco-a-taco com “Para sorrir eu não preciso de nada” foi renhido e foi preciso saber sofrer até ao fim.

Além da vencedora e da já referida Catarina Miranda, os interpretes Susana Travassos, Maria Inês Paris, Minnie & Rhayra, Lili, David Pessoa, Peter Serrado, Peu Madureira , Janeiro, Anabela, Joana Barra Vaz, Joana Espadinha e Rui David foram os restantes músicos que chegaram à final da edição deste ano do Festival da Canção, edição que, de resto, teve muita polémica à mistura devido a um erro erro na contagem de votos e pela desistência de Diogo Piçarra depois deste ter sido acusado de plágio.

A gala, com transmissão em direto na RTP, RTP Internacional e RTP Play, foi apresentada por Pedro Fernandes e Filomena Cautela (uma das apresentadoras da Eurovisão).

PONTOS DO PÚBLICO

1 ponto – “Bandeira azul”, Maria Inês Paris
2 pontos – “Patati Patata”, Minnie & Rhayra
3 pontos – “Sunset”, Peter Serrado
4 pontos – “Sem medo”, Rui David
5 pontos – “O voo das cegonhas”, Lili
6 pontos – “(Sem título)”, Janeiro
7 pontos – “Para te dar abrigo”, Anabela
8 pontos – “Só por ela”, Peu Madureira
10 pontos – “Para sorrir eu não preciso de nada”, Catarina Miranda
12 pontos – “O Jardim”, Cláudia Pascoal

PONTOS DOS JÚRI

“Para Sorrir Não Preciso de Nada”, de Catarina Miranda, foi a canção mais votada (12 pontos) pelo júri regional, constituído por representantes das cinco regiões de Portugal Continental e das duas regiões autónomas. Cláudia Pascoal (10 pontos) e Peu Madureira (8 pontos) ficaram em segundo e terceiro lugar, respetivamente.

Quanto à 63ª edição do Festival Eurovisão da Canção, a acontecer na Altice Arena, em Lisboa, tem as duas semifinais programadas para a 8 e 10 de maio de 2018, estando a final confirmada para 12 de maio de 2018.


- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,783FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
629SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Oficial: Elisa e o seu “Medo de Sentir” não representam Portugal no Festival Eurovisão da Canção 2021

Já aqui o tínhamos dito e agora confirma-se. A canção "Medo de Sentir", interpretada por Elisa, não será aquela que irá representar Portugal no Festival Eurovisão da Canção 2021.

Eurovisão 2020 cancelada

Era inevitável. Embora tenham tentado manter a organização e as reuniões de chefes de delegação ativas, a equipa responsável pelo Festival Eurovisão da Canção, em conjunto com o canal anfitrião deste ano, decidiram cancelar esta edição.

Elisa vence Festival da Canção 2020 e representa Portugal na Eurovisão

Era, na verdade, uma das favoritas à vitória, mas o caminho de Elisa (não é a Elisa Rodrigues, atenção) até ao primeiro lugar não foi propriamente fácil.

Conhecidos todos os finalistas do Festival da Canção 2020

A grande final está marcada para o próximo sábado, di 7 de março, no Coliseu Rondão Almeida, em Elvas. Nessa noite, a gala será conduzida por Filomena Cautela e Vasco Palmeirim.
- Publicidade -

Mais Recentes

Análise – Sony WH-1000XM4

Com os Sony WH-1000XM4 a tocar música e o Noise Cancelling ativo, o mundo circundante salta para o segundo plano e nem damos por ele.

Oktoberfest está de volta à Nortada

A grande festa da cerveja regressa pelo terceiro ano consecutivo.

Fórmula 1 – Grande Prémio da Rússia leva Bottas ao lugar mais alto do pódio

Depois de uma semana de pausa a Fórmula 1 está de volta, desta vez na Sochi para o Grande Prémio da Russia, mas com uma primeira volta que nos fez viajar até ao segundo fim de semana de Itália em Mugello.