Centro de Congressos do Algarve – O novo destino para eventos de excelência

A Tivoli Hotels & Resorts apresenta um novo destino para a realização de eventos únicos: o Centro de Congressos do Algarve, um dos mais amplos e modernos do país e da Europa, situado junto à Marina de Vilamoura e ao icónico Tivoli Marina Vilamoura Algarve Resort.

- Publicidade -

Após um investimento de 10 milhões de euros por parte do grupo Minor Hotels, o Centro de Congressos do Algarve foi projetado para, com a máxima conveniência e flexibilidade, oferecer um conjunto de salas, venues e terraços que respondem a todas as necessidades na organização de conferências, seminários, reuniões, festas, entre outros eventos.

Usufruindo de uma localização priveligiada a 25 minutos do aeroporto de Faro, este novo espaço para eventos conta com 22 salas com luz natural, que se distribuem por uma área total de 7.050 m2.

Entre as muitas valências, no plano arquitetónico de elevada inspiração destaca-se a Fénix, a sala plenária com capacidade para 3.000 pessoas, que se pode dividir em duas salas individuais ou até seis espaços. Este espaço, com 10 metros de pé direito, permite ainda vistas de 270º sobre a marina e o mar, uma vez que se encontra rodeada por 700 m2 de varandas e terraços.

Por sua vez, os diversos terraços amplos e o rooftop panorâmico com mais de 2.600 m2 prometem surpreender e transformar qualquer almoço, jantar e coffee break num momento descontraído e relaxante, tendo como pano de fundo o Oceano Atlântico e a Marina de Vilamoura.

As instalações do Centro de Congressos do Algarve dispõem de infraestruturas preparadas para o suporte de cargas pesadas, garantindo a segurança e a preparação necessárias para o transporte e manuseamento de qualquer produto. Este espaço foi desenhado com amplas zonas comuns, foyers e uma grande acessibilidade para uma rápida dinâmica e circulação. As áreas de exterior e as salas de reunião permitem também majestosas zonas de exposição e receção dos participantes nos eventos.

Em articulação com os profissionais da equipa de eventos do Tivoli Marina Vilamoura, é igualmente possível usufruir do vasto leque de opções desta unidade: cinco salas de reuniões no edifício do hotel, além de uma área reservada a exposições com um amplo pé direito e luz natural, orientada para a marina de Vilamoura.

O Lakeside, o espaço único que reflete a cultura indígena no ambiente criado pela calçada portuguesa, pelo lago e pelo jardim natural, permite a realização de serviços no seu interior, como banquetes e espetáculos com capacidade para 1.050 pessoas sentadas. A estes espaços, juntam-se também o restaurante de praia Purobeach Beachfront, com espaço para 120 pessoas, e o Purobeach Poolside, o espaço exterior e idílico para festas e cocktails mais arrojados e descontraídos. Nos jardins do hotel, existem ainda alternativas para a realização de jantares e festas privadas.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Promotoras vão falar com o Governo para tornar viável a realização de festivais e eventos de música

Numa altura em que a COVID-19 não dá tréguas, milhares de postos de trabalhos relacionados com a cultura estão em risco.

Os eventos do Summer Game Fest a não perder

A agenda do Summer Game Fest inclui eventos e transmissões de maio a agosto.

Festas e romarias poderão realizar-se este verão, diz a ministra da Cultura

Foi Graça Fonseca quem o disse em entrevista ao programa Você na TV, na TVI.

Este site diz-nos quais os eventos adiados ou cancelados em Portugal

Se é verdade que a comunicação social tem o dever de informar sobre a evolução do COVID-19, não podemos deixar de salientar que acaba por ser impossível acompanhar tudo ao pormenor.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Época balnear 2021. Eis as regras definidas pelo Governo

Comer bolas de Berlim? Sim. Mas jogar raquetes não é permitido.

Museu da Lourinhã ganha versão digital com a ajuda da Vodafone

O Museu Digital da Lourinhã dispõe, a partir de hoje, de um conjunto de soluções de Realidade Virtual.

Santuário do Cabo Espichel transforma-se em projeto com vocação turística

O imóvel está classificado de interesse público desde 1950, beneficiando, ainda, de uma Zona Especial de Proteção.